Diario de Pernambuco

MISSING IMAGE

Material Information

Title:
Diario de Pernambuco
Physical Description:
Newspaper
Language:
Portuguese
Publication Date:

Subjects

Genre:
newspaper   ( marcgt )
newspaper   ( sobekcm )
Spatial Coverage:
Brazil -- Pernambuco -- Recife

Notes

Abstract:
The Diario de Pernambuco is acknowledged as the oldest newspaper in circulation in Latin America (see : Larousse cultural ; p. 263). The issues from 1825-1923 offer insights into early Brazilian commerce, social affairs, politics, family life, slavery, and such. Published in the port of Recife, the Diario contains numerous announcements of maritime movements, crop production, legal affairs, and cultural matters. The 19th century includes reporting on the rise of Brazilian nationalism as the Empire gave way to the earliest expressions of the Brazilian republic. The 1910s and 1920s are years of economic and artistic change, with surging exports of sugar and coffee pushing revenues and allowing for rapid expansions of infrastructure, popular expression, and national politics.
Funding:
Funding for the digitization of Diario de Pernambuco provided by LAMP (formerly known as the Latin American Microform Project), which is coordinated by the Center for Research Libraries (CRL), Global Resources Network.
Dates or Sequential Designation:
Began with Number 1, November 7, 1825.
Numbering Peculiarities:
Numbering irregularities exist and early issues are continuously paginated.

Record Information

Source Institution:
University of Florida
Holding Location:
UF Latin American Collections
Rights Management:
Applicable rights reserved.
Resource Identifier:
aleph - 002044160
notis - AKN2060
oclc - 45907853
System ID:
AA00011611:04163


This item is only available as the following downloads:


Full Text

NO 0. TiHCA FlIRA
^Tsdoagara depende tie ns nrcsmos ; da nosa prudencia, modera-
r: ( eneran : continuemos como principiamos, e seremos aportados
cun sdiniracSo entre as Vacoes mais cultas.
Prccianiaco da Asserablca Gcra! do Brasil.
*l ss^
Subscreve-se para sta folha a 3?ooo por (|t:r:rtel pagos ndfanttdoJ
sesla Typografia ra das Gruzes 0.3, c na Vaca da Independen*
ai.. 07, c 58, onde se rccei>e;n correspondencias lesalUadas e en-
nuixics, siisirindo-ae estes gratis sendo dos proprios auignantes o
?indo assgnado.
PARTIDAS DOS CORREtOS TERRESTRES,
j Cidade da ParaMba e Villas de su pretendi.......\
I t I q
Seg. e Sectas ferias
Dita do Kio Grande do Norte, e Villas dem .
Dita da Fortaleza e Villas Jdern...........\ \ ')
L'id.de de Goianna.................' 1
"Cidade de Onda........... -r ,.
Villa deS. Antao......................^f CS, ,,wW
Jita deGaranhuns c PcvoacSo do tionito '. .' .','."-------8"? V'*
Ditaado ^, Serinbaem, Kio Foro**, e i'^^l J? /,/< ?, ^ S
Vn de, p s i^ST' e ,,e Macei............^ I
Vida de Pajau de Flote.....................Wm, d.0 dt0,
i cdos os Cor reoi partera aomeio dia. J
r
PULSES D* LA O MEZ DE HOVP.
Quart. ercpcj a 5 as o h, e 3 ra, d> tard.
La CWeia a Q-as 5 !i. e 4' m. da man,
Quart.ning. a :i- s 6 h. e j > m, da tar !.
La iNjva a ?3- astl i. e 5? Mar: thtia para a dia 17 de Novemhtoi
As 11 heras e < minutes da manhS*
As 12 Uorase G minutos i.'a tarde.
CAMBIOS, NovBatBto 16. i
Leadrea...... Si d. per ifoooccd.
Jabea.......' iprera > -.cr metal nTerecido/
* renca...... 3i5 i 1 franco.
SVnQ1rV,80SW ,'" Co"P Vendas
ULilO-- bo res, vclhis 1 ,-,
' ",':;n .. >, novas lipona ttfroo
E7.,~. '":' ">! KJ100 gfioo
FRATA --. .... ^fjlo ,,.:,,-,
' ....... :-)
nos-------------- i#5 i64o
----------------------------------------- 1''; 1 i : -,
Deseo itodel omes.
['' n l ':' 'P P*r ws firmas offorecido,
lloedi de cobra j .;r ico de d
DAS DA SEMANA.
:r> Hr7.:rd3 5. ffbnsad deLajes- Vudiencia do Juiz de Dire'o da J.
ra -
'7 Terca orlo Taumaturgo ff. RelacSo audiencia do Juiz de
i:.cito 1 1. val .
18 Ouurta S. Rom'o M -- Aud. <>r) .f. ,]e r.,'..-, r>. vara.
rr, Quinta S. Iz bel Ltainha ~ Audiencia do Jati de Direito da] a
v ira
30 Sexta S. ( H. Aud lo Juiz de Direito da i.vara.
I babbadob. \v^r.:v .',: d 1 .v ." ,_-lo e Audiencia do Juia de D;
f.a .i. vara.
2: Domingo S. Ccci'ia V. M.
PENA M BUCO.
1
GOVERXO DA ROVI5fClA<
Espediente do du 10 docorrente.
OfBrio Ao Inspector da Tl.psourarin de
Faseixla para fa?er observar o disposto 110
Aviso expedido pela Secretaria de Estada dos
Negocios da Guerra em dala de 11 de Outubro
ullin;o peloquhl S. M. o Imperador De-
termina <|ue a des;iesa com o Fardamento
do Exercto sc-a oreada e -dcaonslrada com
destincSo das mais despesas do Arsenal de
Guerra desla Provincia, e que lenha assento
particular para a todo o lempo oonar a sua
importancia.
Dito Ao Director interino do Arsenal
de Guerra, communicando-lhe o cooleudo
o precedente o'licio.
Dito Ao Juiz de Direito do Civel da se-
cunda vara, significando-lhe que nao tendo a
Presidencia appruvado o Compromisso que
alguns moradores da Cidade de Olind* lhc a-
presentttJO romo fundadores da Irmaudadej
do Senhor Ilom Jess do Bomfiui em con-
sideracio nao ao que informou o Juiz que in-
tiiinamCnle servio no seu impedimento, roas
tambtm ao que lhc re presto lou rouitos dos
prtncipaes habitantes da mesma Cidade 5 llie
j^verteo requerimeuto que esles ltimos di-
rifjito ao sobredtto Juiz interino afimde
qneo defira comojulgar conveniente.
Dito Ao Juiz de Direito intirino do Cti-
ne da segunda Vara noixeando-o para pre-
sidir s redas r!;i primeira Parle da quinta
Lotera a favor das obras da Igreja Matriz da
Dea visla as qnaes deveiu ttr andamento
110 dia a5 do corralo, no Consistorio da cues~
ma Igreja,
Dito Ao Escrivao da Lotera da Matriz
da Boa-vista, communicando-lhe a nomea-
co snppta.
Dito--A Cmara Municipal de Seri-
nhaem, significando-liie que conforman-
do-se a presidencia comasrases b presen-
tadas em seu uffii o de seis do correle acerca
do estado ruinoso em que se acba a Ponte
do Engenho Anjo, approva a resolucao, que
a mesma Cmara tomou de declarar inlran-
silavel a dita Ponte, e de lser arrematar a
passagero do Rio ou poi-a em Admiaislra-
co, quando nao appareco licitantes.
dem do dia 11.
Cfficio Ao Inspector da Tbesouraria de
Fasenda, cnviando-II e aconta dos objettos
queforao embarcados para a Paraiba 110 Va-
por Daihana rtquisieo do Exm. respectivo
Presidente, mpoitando na quantia de
469U200 reis a im de que baja de debitar
a Tbesouraria d'aquella Provincia per esta
quanlia.
Dito Ao Prefeito da Comarca de Flo-
res enviando-lbe a Coileccio das decises
do Governo de i83gde numero i5i a 159
a o ndice da Colleco do mesmo anuo To-
no segundo parte primeira que requisilou
em seu olcio de a5 de outubro prximo pea-
lado ; ficando para lempo opportunoa remes-
lado Tomo segundo Cadeiuo quarlo a ses-
so quarla numeto 41 do Tomo terceiro da
Colleco do corrate] aono, t u respectivo
ndice por uo lerein sido lecebitlos a-
inda.
Dito Ao Inspector Geral das Obras pu
Micas, respondecdo eos seus dous oficios de
i de Agosto, e a de Scliabro deste armo ,
quanto o primeiro, que a Presidencia appro-
va as novaseondiceues para nrremaucaoda 0-
bra da rennvac.io do Caen da ponte dos Car-
valbos podrndo pol-a em hasta pul
e quanto ao segundo que pode receber as ma-
deirasqueo Cidadao Miguel Francisco ien-
dcs j. havia apromptado para a dita obra.
Dito A Cmara Municipal cte Serir.ha-
em, respondendo ao seu officio da 7 do cr-
rente qaanlo a primeira parle o; rece!
0 Balanco da receita e despesa da or s na C-
mara no anno rindo, acoaip.ui'ii.do dos res-
pectivos documentos; assim como o orcamen-
to da receita e despesa para o a;i:;o fueturo ;
quanto segunda que n presidencia apjiro
contracto fe i lo coa o Reverendo Vigario De-
metrio Jacome de Ar&ujo pira esta fazer to-
dos os concertosque. precisa.) as cass do pa
patrimonio da Cmara dando-ae-ihe em
pft^amenlo o aluguel de 3 aanos, e quanto a
lerceira Rnalmenie, que igualmente aipro-
vi a deliberagSo, que tomcu Cmara de
por em adtniuislract:) a arrecadacio da ren-
da do Disimo das Miuncas de seu Munici-
pio.
dem do dia tu.
fficoAo Commandante Superior di
Guarda Nacional do Recite, determinando-
lhc que exper.a as coinenientes ordena pela
parte que 1 he toca para que a Grande l'a-
rada do dia a de Dezembro prximo fueturo
Fez Anniversaria do Natilicio de S. M o
Imperador, sejacomposta dosCorpos da pri-
meira e segunda Legides da Guarda Pi icion&l
deseu Coramando aos qaes se reuniru o
lerceiro Batalho de Arlilheria, Corpa 1
Polica, Compinhia de Artfices c >;.
.-lalbj du LegiSo do Onda, 03 qoaas-
todos se formaro asdei horas da manb na
Placada Boa-vista, e ao meto dia tonaro
a sua ultima posicao no lar.;o do Paiacia e
ra do Colegio ; ordenando outro im tjue o
Batalho da Varzea cooeorra a faser com o
seeundo de Oliuda iGuarnica da praca nos
dias 1 e a.
DitoAo Commandante da3 Armas
communicando-lhe oconlcttdo no pr
ollicio, c determinando que expeca a.- pi ci
ordeus pela paite que lbe toca.
Dito Ao Coronel Chele da Legio de
Onda, para fazer marchar na Grande Pa
r.-da dociia 2 de Dezembro o primeira BaU-
Ibo da mesma Legio ordenand-j qtfe o se-
scundo concorrij a faxer a GuarnlcO da
l'iaca com o quarto desle DlluuiciptO nos dias
1 e a.
jjio Ao Commandante Geral do Corpo
de Polica, para lser apromtar e marchar
o mesmo Corpo na grande parada do du j de
Di-zembro.
Dilo Ao Exm. Rispo Deocesino con-
vidando para concorrer no Dia a de Dezem-
bro feliz Anniversario do Natalicio dt S. M.
o Imperador ao Coi tejo, c assistir a Grande
parada.
Iguaes conviles foro dirigidos a todas as
auloridades Civis, militares e EcclesiasticaS
da provincia aos Deputados das A-.->-
bleas Geral e Provincial, Cnsules, e PreU.
dos das ordens Religiosas etc. ct:.
dem do da ti.
Ollicio Ao Prefeito da Comarca de Na-
zaretlt, eoiomuaicaiido-lhe em respoa ao seu
olcio de 10 docorrente que a Presidencia
lem concedido a domieso pedida pelo proles.
,w Cadeira d; Grammatca Latina d-i
uesflia Com rea Siaooel Guarberto Freir.
Irarem exercuto logo no principio do anno le- esto o dever, e findoo nual proced
1 ttro segu
DitoAo Inspector confoimidad da Lci contra aquelles (|ii
naotiverem pago, i: para que o referid
qual proceuer-se-ba
ue
para que o referido
istas que aeompanltar > os ieu e
de t) e 3ode Setembro prximo passado, de
aes para o primeiro e segunda Bsqua-
i de Cavallara da mesma Guarda Na-
cional; de vendo-o fi ser c instar aos promo-
vidos a Gm deque soeilem as suas paten-
I .
Dito- Ao Inspector Geral das obras pu
blicas, p:tecipando-IUe que a Presidencia Carvalhos*
tsm nomeado ao Cap. do Milicias Francis-
co do Reg Barreto para Inspector Parcial
das obras da renovarlo do Ces da estrada
do Norte da ponte doi Carvaliios e de i.>Jo o
atierro feiio.
OBRAS rUBLICAS.
Km observancia o ordens da Prezidenei
da Pro irrematado separad*.-
menle o fornecimeulo dos msleriaes de cirpi-
!>i c. 'le. Pedreiro a; i n com > os serviqos
ventas nscessarios p:r.i a obra ti;i rea >* 1-
.ao do cae3 da entrada do Norte da ponte dos
Igual communtcJcSo foi dirigida ao Ad-
ministra lor Fiscal d is Obras Publicas.
Dito Ao mesmo para faser reeoihei t-oi
armasens do Palacio veiha as taboas do pi-
tillo arruinadas, queexstem no armasemda
obra d 1 Mangunbo.
Dilj -- Ao Inspector do Arsenal da Mari-
i'.ha sgnificando-lbe, que determinando
>. VI. o i. c;u Aviso de to de Oulutubro ul-
timo, que se i i nesta l'r vi 11 1 ura dep
de c portada para a Cort
a entregar ao Inspector do Arsenal do Mri-
ul>a, e que par a o trati tesn aprovetem os
1 uerra que nesta pi de
faser alguno Ualro e mesmo es Viere n
i ",); e o qu
tuitamente : r cumpreqae faeaobset
o disposlo iij mencionado Avio, Gcaado na
: ; 1: neta de q ir da The oura-
cii se tem expedido ai convenieati 1
. abonar aquan'.ia necessaria para e
ii.n.
Dito Ao Im Jfictor da Tbesouraria do F,
As pessoas aquem taes contractos er,nie-
r<'!n sao convidadas a comparecer, devidas
mente habilitadas de fiadores idneos, no-
dias t, a o do prximo vindouro mez da
Dezembro, a dar os seus leos na Repart*
caopasObras Publicas, sonda se acha pa-
lales as respectivas condices todos os di&s
ulcis.
Iuspe"::To das Obras Publicas ij do Nj-
vembro do o o.
Moraes Ancor,
V R E F E I T tR A.
Parte do dia r JeNcvcmbro.
Il'm. e Exm. Sr. Foraj lioiit'-m prc>os
pela Snb-prefeito desta Freguesie o portu-
j-iio loo Antonio lugueira, por acoutar eca
sna casa e :ra ; furtados 5 foi detento no
Callabouc 5 < o preto de nome Pudro es-
Ubttquerque Mello, por
to na la de urna cas: ;
1 s!".i S: . : ida Kibeira o pardo Joa-
uim p >r se ttriagado; esta i >
) : ;or un Sol-
1 do Cori;i d p l cia o preto de a o me
I .,,-,> de Joaquim Fereira da Silva ,
por estar ebrio e fasendo desordena ; foi
j.'OiltO*
Illm. e Exm. Sur.
Parlecipo a V. Ex. que os negocios da
guerra nesta Provincia v'o melhotando sen-
sivelmenle Em un attaque na Comarca
de Pastos bous morrero 70 rebelJe3, e se fi-
leiio 2 prisioueros ; os e>cravos sublevados
rio tambern sendo persegu lis com toda a lor
ca$6oo lemsido capturada e raaor numero
lem-se apresentodo a seus ""j^rs.
Dos Guarde a V. Ex. M iraohlo jo de Ou-
lubro de ib*4o Illm e Ex n. Sur. Fran
Uta o pai lo Anto-
nio J. .. >, por ser desertor do Batalho
1 : foi remellido ao Coinmauiaota
das Armas : e pelo sub-prefeito dos Afogadas
os pretos Ijn is, e M tria Luisa Ciri-
acadeSena, para tima averigaaeo torio
detento! 110 Callabouc.
Das partes boj i recebidas consta que hon-
t:?m ro occDrreo mais novidaJe.
MARANHAO'.
rdem do dia n. 5>
> >

lo Reg Barros Presidente d.i Provincia de Quarlel da Presidencia, e do Coromvi lo
Peruaiubuco -- Luiz Al ves de Lima.
..... ''.
Diversas Repartives
i DlrAL.
Ltiiz Francisco de Melto Cavalcanti, Escri-
vao e Administrad jr da Meza de Rendas
Internas Proviociaej de Ptrnambuco,
i'elj piexente Ldital faz publico a qttem
convier que no p das Armas ni Cidade do Maranhd a de
Setembro de 1840
Saa E\. o S::r. Coronel, Presidente a>*
Commandante das Armas da Provincia; min-
da puliliv.r -r.'. conhecimeato da Utvtsa
Pacificadora do seu Commando, que na ma-
drugada do dia 21 docorrente foiattacado
punto da Ctiapadinhs por hum grupo da re-
beldes os (juaes forio rechacados com inl-
treptdei, deiaado no Campo ifj morios a, e
eiroveiro* 1 c couh* t-aecendoe por e*g


DIARIO OB PERNAMBC
ros vestigios de sangue que levarao muitos Pedro onde incorporados os nossos com a
feridos, partida de Alexandre Rodrigues Lima re-
O mesmo Fxm. Snr. manda tarrhem fa- sisliram em numero de trala aqulla han-
ser publico que em atfencao a falta de Ol- dode malvados que no dia i3 ugirain com
ciaes que ha na primeira cojumna e aos perda de muitos morios, pela maior parte
Lcns servicos prestados no ataque do Morro- negros, e quatro prisioneiros, que dizera ser
pudo pelo prraetro Sargento do Corpa de escravos do Sr. Coronel Severino Alves de
Polica desta Provincia Joao Thoraaz de Can- Carvalho.
luara ba por bem ncmea-!o AKeres de No dia 14 reunio-se todo aquello deslaca-
Commissao p;>ra ser empreado no servico ment faltando s'.hum soldad: morto no
daquella Columna como for mais conveni- combate e os quatro apresentados que lu-
en!e.
via frito a traic >.
Dierentes partidas
aflluiram de todos os
Sua Fx. tem igiislmep.lH nomeado Alfe;es
dolerceiio Balalho destacado de Guardas pontos circumvisinlios em soccorro dos nossos,
Ndonars de Fastcs-hons, o Guarda Naci- ile no dia 15 pode huma deltas, pertencenle
n;l do mesmo OalalhSo Raimundo de iN'aza-{tambera primeira Columna, alcancar os
relh Pimentel, rm aUmco acs bons serv- bandidos s 8 be-ras da manhS na Matados
cosque lem reatado para a Paci6cacio des- IMutuiiS, e, depois de lhes fazer fojo por
te Provincia, bio s com sua pessoa, mas duas boros, derrotou .os completamente, fi- Indi arente tu es, tu es imparaal,
tambem com scus Gibo* c beba. j tanda delies no campo a a morios e 7 prisio- Na uslica nao lens condescendencia ,
Declara-Se sen elfeiio a nomeaqo de Al- neiros inclusive escravos de ambos os sexos, Que te obrigue injustamente a lser mal:
E's recto Promotor por etcellencia ,
INo te move o iileresse ser venal ,
Tens honra 1 probidade e consciencia*
Feilo por hura Annimo.
feres de Ccmmisso, conferida 10 segundle muitos feridos-, trinta carallas, quatro
Arauiu Pernambuco
Cadete Jos Antonio publicada na ordciu do dia numero 55 poil
que este Cadete foi promovido asegundo l-
ente por Decreto do i deJunbo deste cor-
lante auno.
Assignado Manoel de Sonsa Pinto de
Itlg.ili.us, Coronel Encarregado das Re-
partieses do Ajudanle, e Quartel Mostr lie-
QeraL
Quartel da Presidencia e do Commando Armas na Cidade do frlaranho, 1 lie Ou-
tubro de i8/o.
Ordem do dia n. 5o.
Sua Fx. o Snr Coronel, Presidente e Conv-
mnndante das Armas da Provincia manda
publicar para conheccimenla da Divise pa-
cificadora do seu Commando que o Snr.
Coronel Cbefe da Legia'o da Guarda Nacio-
nal de Pastos bons, Diogcs Lopes de Aran jo
alies, de crmbinaco cora o Snr. Major de
Arlilberia e Commandante militar da Vil-
Ja e primtiro destriclo daquella Commarca ,
Jos Vicente de Amotina Beserra mandn
sabir desta Villa no dia 7 de Agosto ulti-
mo ducs expediedea que marcha rata por
dilrentes caminhos sobre Bal gas, sendo bu-
lla commandada pelo Snr. Coronel, oou-
tro sob o mando do Snr. prime:ro Tenente de
Artilbria Izidoro Jos.: da Rocba do Urasil :
estas eaxpedicots, depois de vencidas niuilas
dilhculdades reuniram-se*, no dia 1) ;s 9
horas da manb a meia legua de distancia
des rebeldes, que, em numero de 1,700.
achava-se fortificados no sitio detraz da Ser-
ta. Dados pelo dito Sr. Coronel os detafhes
do ataque, correram as uossas Jorcas cos a
sua cosiuraada intrepidez sobre aque'.les ban-
didos que, apesar da sua pergeas resisten-
cia tiverao de ceder s suas fortes pesices .
lugindo em completa desordem depois de
deixarem no Campo 78 morios inclusive os
intitulados Major Corroa Brauna Capitles
Seralim des Anjos e Joo Baptista dosAn-
jos Tenente l'almcira, e Al feres Gordinho-
si prisioneirca, edestesnove feridos, entre
es qmes conta5~se os intitulados AleresJoio
de Abito, e Joo Vicente 5 ficaram igual-
nenie no Campo mais de quarenta mulberes ,
cera selles ordinarias cangalbas, algumas
armas de lego, catados malas decouro, e
cutras niiuezas. Da uossa ai le amentamos
a peda de hura Cabo e dous Salda Jos mor-
tos e tivemos sessenta feridos sondo d< -:
gravemente o Sr. Capilo Carvalhido o Sr.
Alferes Anionio Jo: de Matos Palhano, os
Sargentos Antonio Manuel de Souza o Jaao
Fernandes da Silva e Isvcmenle o Sargento
Ajudanle Antonio Jo: da Silva llosa.
roi este o maior combate 1 e talvez sejao
ultimo desta natureza que lem dado as For-
caada Legal idade nesta Provincia, e deque
maior prejuizo sofreiam os rebeldes nao c!>-
Btante a si; eiioridade das suas Jorcas e pesi-
ces. S. hx. est satiseito da conducta dos
Srs,Commandantes, emais Sis. Officiaes,
Ufficiaea lnleiiores e Soldados que tomaram
parte naquclle combate; e por estes felices
resultados icconbece quanto vai progrediudo
iiesa Provincia a disciplina militar.
Manda tambem o mesmo Fxm. 8nr. fa/er
publico que no dia 11 de Setembro prximo
pastadoaprovettando-se os rebeldes daocea-
sioem que o destacamento doRodeio, per-
tencenle a t.a Columna, esteva desfalcado
pela cotuda d urna perlir'a que baiia sabido
depiera-
seilas, e algumas cangalbas. J>o*
mos so a morle de dous Soldados e livemos
quatro eridos.
S. Ex. vista dos'feitos pralicados nos das
ia e t pela pequea forca do destaca me-
lo do Rodeio, que pAde reunir-ae na Feito-
ria S. Pedro, est inclinado a julgar que
poderia ter sido bera defendido e sustentado
aquelle ponto a nSo ter kavido reprehensi-
vel desenido do respectivo Co.omandanle [greja ^ Cflrro mnrele-Telmeaile 110 dia a5
cuja conducta a resuelto devora conhecer-i >|jocorrottta mu de Novembro ; para o que
convido aoi amantes das Loterias haio de
Assignado Manoel de Souza Pinto de
Magalbes Coronel Encarregado das Bepar
ticesdt Ajudanle e Quartel Meslre Gene-
ral.
pbdic.\.ci a' pedido.
Feilo aoIMni. e Rm. Sr. Conego A reedito
Ignacio Luis de .Mello Promotor do Juizo
Ecclesiastieo.
SONETO.
D'Aslra a batanea equilibrada
Sua recta justica simbolizas ;
O crine do 'nocente tu divisas ,'
Pela prova que vos justificada :
Tu aecuzas o leo quando provada
A culpa que elle lem tu ajuizas ,
E quando o mesmu reo criminalizas ,
A' vil adulaco nao das entrada :
LOTERA DA BOA-VISTA,
A Meza regedora da Irmadade do Santis-
simo Sacramentla Boa-vista lem determi-
nado que as rodas da 1. n parte da 5. Lo-
tera concedida a favor das obras da mes.ua
por hum Conselho de Investigacao a que
mandar proceder inmediatamente o Sr. Co-
ronel Commandante da I,- Columna.
O mesmo Esm Sr manda igualmente fa-
zcr publico (pie no da 12 do pp mez da Se-
tembio 'oi batido por huma partida da
Giiamicaoda Villa do Bosa.iia, sob o mando!
comprarem os billietes que se aclio a venda
nos lugares do coslume.
1 t do corrente nao be aquella com qlle
falln ; adverte-se-lhe mais que sua rner
parece eslar completamente engado no o
penca e se quer desenganar-se pode pro^
rara mesma pessoa quando quiser 0lla
nuncie sua morada
A Commisso Administralira__Scient
ica aoi I Ilustres Socios comprebendidos
artigos 55, e 5; dos Estatutos, I.aio'd!
dar cumprimtnto ao desposto nos mesmos ar
tigos al o dia a5 do coi rente do contrario
pora em execuco a pena determinada
No dia 18 do corrente mez, peloJu"
de Direito da 3. Vara se hade arrematar en
praca publica e na ra da Praia um escray
multo mosso, e bom para qua|(|ue,- servico
avaliado em 35oooo rs, ; os licitantes com'
pareciu no dia (Ruarla ieira as 4 horas .t
tarde. U4
A pessoa que no Diario n. 241 e az
deseja fazer troca de uma caza nao grande 0,
Bai.ro da Bolista por outra nos arredores
desta Cidade ; dinja-se a tereeira casada ra
da Alegra lado do Sul a fallar com Lui
Gonzaga da Rocha.
Ufferece-se um hornera bera conlitcido.
nesta Praca para tomar couta de uma ven-
da 011 armazem qne se obriga a comprar
vender, pois tem bastante pratica uiss'o
quem do seu prestio quiser ulilitar-se, an-
nuncie por este Diario,
Precisa-se de um trabalhador para to-
mar conta de um cilio na estrada nova qUe
seja estrangeiro e que d fiador a sua con-
ducta t na
14.
-- Precisa se de uma mulher capaz, que
saiba vender cora uma preta : a quem le
Praca du Boavista sobrado D.
couvier dirija-se a ra das Trincbeiras, so-
brado N. 21.
centros da Fazrnda Couceico o qual depois
de alguna tiros debandou ,' deixando em nos-; pra para o mais breve anuunciar o impre-
so poder 45 prisioneiros inclusive algumas lerivel dia.
negras, e enancas 6cavallos, e a canga
Ibas.
Outra partida da mesma Guarnicao ,
50CIEDADE N\TALENCE.
LOTERA DO LIVRAMENTO.
O Thesoureiro da Lotera fat sciente ao
do Sargento Antonio Bernardo de Linbare ,! rcspeilavel publico [(|ue como "ai a vendados j Precisa-se de uma salla para s'alugar
ipm grupo de negros que se acoutava nos; biihetes com grande afluencia] qne deseja qne sendo era casa terrea na Cidade do Recite '
os amantes d quem a tiver annuncie,
U paraalugar alguns escravos afeitos
a toda qualidade de servico : quem delles
precisar dirija-se a ra do Rozario larga
D. 7 que l achara co quem tratar.
Quem precisar de uma ama para servi-
co de casa de pone* familia ; dirija-se a ra
da Soledade defronte da Igreja.
Aluga-se uma preta para r?nder na
ra e fazer algum servico de casa de pouca
familia : quem tiver annuncie.
Aluga-se um preto para armase de
assucar : quem delle preciar procure no 1.
andar da casa N. i"j no Becife junto a Con-
ceico.
sob o mando do Sr. Capilo Henriques Fer-, O primeiro Secretaiio convida a Corpora-
oandesda Rocba', deparou com outro grupo cao da mesma Sociedape |>arasessaoxtra-
de negros escondidos Das matas, os quaes fu- ordinaria boje (15) pelas 7 horas da noutena
giram precipitadamente logo que sentirn: os Jgrejado Collogio.
nossos, e deixara (icar carne farinba ar- ^-------------------
ror, etc., roupa panellas de ferro oulras SOCIEOA DE PASTORIL,
miudezas, c 4 carallos. No ponto de Santa, A Commissao Administrativa da Socieda
Barbora pertencenle mesma Guaroiclo Pastoril aviza aos Socios da mesma que
apresentaram-se ltimamente mais 11 ne- boje [ 17 ] as o horas e meia da tarde, ha
gras. Assignado Manoel de Souza Pinto! Sesso.
de Magalbes. Coronel Encarregado d.3: _-----________________________,------------
Bepaiti^ocs de Ajudante e (Quartel Mestre
General,
(Quartel da Presidencia e do Commando das
Armas na Cidade do Maranho quinze de
Oulnbro de mil oitocentos e quaredta,
0RDJ5M DO DU M. 61.
Sua Ex. o Sr, Coronel Presidente, e
avisos t#iversos
iT O tutor dos menores .Mariana e Haula
Com mandante
no
Quem precisar de um Capello para
izer Missa d'agora t fins de Janeiro ou Fe-
ereiro cora tanto que o lugar nao exceda
declara ao respeitavel publico que ninguem e duaslegoasj dirija-se Praca da Inde-
f-ta negocio ci ntrate ou comprem bilh- \ pendencia Loja de liviosN. 07 e 38.
les de rifa de urna casa sita no poco da panela j Aluga-se o segundo andar da 5. ca^a
no fundo do sobrado do fallecido Joaquina I'i- 1 ^ lat' direito da ra de Apolo no porto das
res, por que ella he propriedade de setis tu- Canoas, cora suicLutescommodos para ft-
das Armas d. Provincia, telados e elle protesta reivenJicala e tauto | uiilia, muito arejada e com cosinba fon
a tractar no andar da meina.
Arrenda-se pelos mezes da fesla um
g'
oanda publicar para conbecimeuto da Divise n5o be de quem a rifa que elle ja mais apr
'acificadora do seu Commando que huma rentar titulo de sua posse.
Partida Ja Segunda Columna sob ornando
isr
Declara-se ao Snr. Joaquina Jcze A- sobrado no lugar do cortume com -.rande
all bavia Jora completamente destrov'adcs era 3o Jindio de 1829 e pede-seao dito Snr,
com perda consideravel de feridos, e u;u pri- ; uue aprsenle no pr'aso de tres diasos Ttulos
sioneiro que entre el les era Alferes. Da nos- de suas Tuteladas sob peno de ser lido pilo
sa parte tivemos dous Soldadas levemente le- respeitido Publico, como um vil catum-
1 idos e o Valornso Tenente I.ourena hum niador
Sargento edous Soldados morios. Aluga-se urna casa para passar-se a
S. Ex. est profundamente magoado pela festa que tem com modo para piqueoa fami-
perdadeste lo bravo e benemrito Offical, lia no poco da panella defronte do no : na
que tendo-se tanto distinguido nos combates
dos Cajoeiros-Muluns Brejo Maltas de Cuii-
mal e Egipto-Crral Velbo-L^goa do meio-
lemanso Coristas- Cabeceiras -Cajazciras-
Santa Rosa-Bananeiras Bojueirao-Curiaca-
Baixa ii:a Bregiuho e oulros muitos a
quem e a;::. do Parnahiba, e leudo sempre
causado consideravel prejuizo aos rebeldes em
'enloa de morios, feridos e prisioneiros vic-
timas .i sua coragem, e Lem concel idos pa- Jj
uma casa para passar-se a
ommodo para pi
panella defronte
Botica da ru.... QueimsdoD, 8.
O Secretario da Ordem de N. S.
do Carmo do ecie em nomeda eza rege-
dora visa a todos os limaos para "o Domin-
go aa do crreme acbarem-se na sua igreja
as duas horas da larde para aeompannerem
a Procicie do Santissimo Corpo de Jezus
Christo que lem de sar da Matris do Bair-
ro de S. Antonio.
nos romo Commandante de diferentes P*r- tomo Lima
|ezeja-se fallar ao Snr. Joao Cbrisos-
acxliar: e insinados porquatro apresen-I tidas, ;;caLou seus gloiiosos das e^vintej nuncie a =ua u
lados, que no dia 10 baviam d ali desertado, cinco de-Setembro prximo passado acs pri-j Typografia.
poderam assenborear-se daquelle ponto s I meiros tiros d'lium punhado de bandidos! car Precisa*
, a negocio de seu iulerece ; an-
morada ou dirija-se a esta
j.ovt- l.oiih ii,i i:oiie era numero de mais de
tri-zeutos i pela maior paite negros, capita-
neados pelos barbaros Lcsme, e Pinta ,1,
e uepuib de incendiaiem a casa do 1
snenio, prosegiram em perseguiicfo das pou-
cas pravas que a guaruiciio at a reiloria t, diguo militar
S. Lx. vai levar preseuca de S. VI. O Im-
perador os muitos e bous servicos prestados
t>or aquelle honrado e bravo onoetal, implo-
i-ando para a sua fan iiia os btiu merecidos
premios, a que liusta mdi^iulavtd direito tao
se de uma ama para o servico
interno de uma casa ou para servir so-
mente de coropalibia ; na ra das aguas ver-
des U. o ludo direito junto ao sobrado do
bacnvao Posthomo.
O* Aomie-se ao Snr. C F. da S: P
l que a penca por quc.u procurara no sabade
qualquer po
Quem tiver perdido um botao de aber-
tura de camisa : pode procurar em casa de J.
Biranger na ra da Florentina quedan-
do os biguaes certos lhe ser entregue.
A quem lhe fallar um batelio o qual
appareceo em principio do mez passado no
penullimo terreno antes de chegar ao sitio do
Snr. Veigas, e a espera que o lossein procu-
rar por isso que nao se fes logo o com p-
tente anouncio ; por lano quera for seo dono
dirija-se ao mencionado terreno, que lhe se-
ra entregue dando os neerssarios si;;.iaes,
iecisa-se de uma mulher canas que
saia a vender fasendas com uma preta : quem
lhe convier t dri)a-se a ra ds Trincbeiras
sobrado N. ai.
A pessoa que annuuciou querer saber
quera vende o cilio do Rozarinho ; dirija-*
ao Atierro da Boavista D. (3 que sedira
quem vende.
Al......-
------------,1- ><
""5 iii'ii.i.i 1 C
'- casa de so-
brado de um andar solo e lojis sita na
largo da Ribeira desta Cidade ; a fallar com
o Tabcl
iao Regs.
(Qualquer pessoa que precisar de uma
"la para ama de casa dirija -o ao becci
da Bomba ua loja U> um sobrado de batanr
da ce pao.


-----Quera precisar de un raixeiro para
renda ou Arraazetn de assucar ; dirija-se ao
largo do Terco, indo para as cinco Ponas,
casa numero 11.
Perante o Sur. Doutor\ Juis de Direi-
to da secunda Vara do Ctvel se hade arrema-
tar No da ao do corrente as 4 horas da
tarde se hade arrematar de venda a porta do
Doulor Juiz de Direito da i. Vara do civel
um silio grande no luga* de Pamameirim ,
com caza de vi venda de pedra e cal, com
tres grandes sallas onze quartos Orotorio
horas no armszem do Braguez,
lar no dia 19 do torrente as quatro horas da cosinha fora copiar, duas boas cacimbas ,
tarde na ra Nova por venda de tres anuos ,
o grande sobrado no lugar dos irromhados de-
ron te da Ig reja constando dsele quai tos 3
sallas grandes urna pequea boa cosinha
Stribaria para cavalioi com um bom quin-
tal murado, e porto para outro quintil gran-
dv com bastante terreno para plantar canina ,
por ler boa baixa, com agu de beber no fun-
do eb-inho parto d'agna doce e salgada ; as
condcces estaro patentes no acto da arrema-
iaco.
-----Preciza-se de 4oo 000 reis a premio
de dois por cento pelo tempo de umanno,
sobre boas firmas j quem os quizer dar an-
ouncie.
-----Preciza-se de urna ama de leite cap-
tiva para acabar de criar urna crianca de seis
mezes ; quera a tiver dirija-se ao forte do
Mallos, em casa da Snra. D. Alexandrina.
-----Aluga-se urna caza para se passar a
festa na Povoaco do Arrombado defronte da
Igreja, com bons commodos para urna familia;
os pertentes dirijo-se em Fora de Portas
casa N. 97 lado do poente.
-----Aluga-se para atesta uma excellente
caza sita na margen: do rio defroute da pas-
sagera do Cordeiso com duas salas sete
quartes ecori'.inlia ; a tallar na ra Nova ,
lojede Caldeireiro D. 1 i.
- Director das obras d'Alfandega con-
tracta o servico de doze pedreiros e irinta
carlinas; os prelendeutes dirijo-se aso-
tras da mesma para tralarcra do ajuste,
M. C Cintra.
-----Preciza-se fallar com o Sor. Joaquina
Manuel Ribeiru (toza ; na ra do Crespo loje
D. 8 lado do Norte.
tanque estribara caa de pretos boas
bai.xas de capim muilo arvoredo de fruto ,
terreno para vacas e para plantaces a ca-
za toda enviJracada e o sitio sercado de li-
man ; pertenceute a Jos Bernardino Lial ,
avaluado em 7 aoo.ooo res por execucao de
Hernardo Lasser Joio de Almo Cisneiro ,
Jo > Antones Guimares e Padre Folia Jos
de Araujo.
i3" Adrifo Jos dos Santos aviza a quera
quizer arremator na Praca da primeira Vara
do Civel boje 17 do corrente pelas 4 horas
du larde, qualro moradas de cazas terrias sitas
na ra do Mundo Novo de numero 35 ,
3; 33 e 39 perlencentes aos Erdeiros, de
Manoel Joaquira dos Sanios, que fallecen em
Lisboa,
SST Aluga-se uro sobrado de dois andares,
no forte do Mallos ra de Jos da Costa a
fallar com Joaquim l e.-eira Peona, na ra da
Madre de Dos N. ia.
-----Aluga-se um sitio para se passar a fes-
ta ou por auno edificado de novo com com-
modos para grande familia coro estribara ,
e boa agua de beber na beira du rio n'um lu-
gar mu vistoso entre a capunga e a Pas-
sagera da Magdalena ; a fallar no atterro da
Boa-vista loje de trastes.
-----O Siir* que annunciou, no Diario de
sabbado 14 do corrente dezejar saber da
moiada do Manocl de Queiroz Monleiro lle-
gadas para negocio de sen iuleresse pode-
la procural-o na Provincia da Paralaba do
Norte onde prezente.nente se acha.
-----Dasse a pr mi a:he a quantia de
5oo,ooo res, a dois por cento ao mez e lam-
be:u era porces pequeas cora pnbores de
Compras
-----Viados preferndo-sc grande, seja ma-
cho ou femia ; dirija-se a ra da Cadeia ve-
Iba casa n. 18.
15 estacas de emberiha e de outras
qualidades que sejao boas com i5 palmos de
comprido na ra do fagundes D. 3 da par-
te da mar.
Vendas
%sr C VUTEI.LAS da Sociedade Fortuna
Typografica, da Loteria da BOA VISTA ga-
nhando a vigsima parte dos premios, caliendo
na sorte de 4:ono,oou reis dusentos mil ris a
proco le 36o ; nesta Typografica na praca
da Independencia n. ao na ra larga do
Rozario loja de miudezas D. 7 na ra do
Collegio loja de relojoeiro, e no largo do Li-
vramento loja do Sur. Gabriel que fica no
principio do beco do Padre.
tsy Por nao ser precisa vende-se um negra
It naci ainda moco e forle sem vicios :
-----Arrenda-se duas cazas separadas por ouro e prata ou boas firmas : quem pre-
mun alio coa bjns commodos; citas na J cisar dirija-se a ra de S. iia Nova D. 18,
ponte d'Ucha a niargem do rio e um sitio ; lado do nascente na aiesraa caza alu"a-se um
com bastante arvoredo e baixa para planta- moleque que entende de vender uarua.
cao de capim, no lugar da caza forte perto da -----Quem precizar de lenha de rolos de
Igreja: a fallar cora Liento Jos Alves na ra ; boa quahdade ; para ol
da Cadeia JN. 46.
SST A pessoa que annuuciou no Diario de
sbado n. 249 querer ser ca.\eiro de Euge-
nho ; dirija-se a ra nova casa u, 29 se-
gundo andar.
SST1 AUugo-se lampies para illumioa-
cao tanto para azcile como jai a
Telas ) na Cidade de Olinda ra de S.
Joao,casa n 5.
t2F Joo Paulo Xavier de Salles solici-
tador dos auditorios desla Cidade az publi-
co que rauduu a sua jesidencia para a ra
da Florcntiua casa D. n. nesta rnesma ca-
sa se acha urna preta para vender-se aquil
cosinha engoma e lava de sabao tud j
com perfeico.
SSr A Snra. vi uva q' quer morar com oulra
familia procure na ra do Livrainento n.
J que se Ihe dir onde pode fazer esse trato.
tSt" Frecisa-se de urna ama de leite j 11a
ra das Cru.es D. 7 no segundo andar*
S27* No dia aj Uo frrenle pelo Juiz do
otaria dirija-se em
caza Forle no sitio Jos Arcos que achara
com quem tratar ; avloace ter para oais de
cento e vinte carros de Leuda.
s3~ Arrenda-se urna casa por o lempo da
esta na frente do engenho da torre a margena
do rio capibaribe por preco cmodo : qem a
pretender dirija-se a loje de livros deronle
de palacio que l achara com quem tratar.
HjT Precisa-se de um rapas portugus de
idae de 1 a a pannos, para caixeiro de
urna venda; defronle da ribetra dafarinha,
. U.
tur Precisa-se de ayo,000 rs. sobre um
escravo, ficando este Irabalhando em premio
dodiuheiro atiie odia que sefiter opaga-
Otntoj quem quizer dar, annuncie.
na ra Augusta cas terrea de urna porta e
du-'.s jauelia* defronle do sobrado de um
andar.
tsy Urna ne-jra de id a idannos de idade.
boa venledeira de ra lava e coiw.inha ;
nesta Typographia se dir.
t^" Urna rarroca nova para cvalo co.n os
seus arreios a fular com Luiz da Costa Leite ,
na ra Nova, junio a ponte da Boa-vista.
K3T Uns xos era fura de portas com 47
bragas de fente e os fundos ihe a mar pe-
quea ; quem os perlender dirija-se a loje
de chapeos defronle do Collegio queahise
Ihe dir com quem deve COlitractar ; pois que
para isso e*! aulhorizado pela Senhora pro-
prietaria dos mesmos xos.
Uma loje de fuuileiro na ra direila D.
3o com lodos os seus pertences e traspas-
sa-se o arrendamenlo das casas conforme se
tratar quem a quiser dirija-se a naesma
casa.
-* Ou troca-se por fijlos de alvenari ,
um Lora cavallo muito ardigo cora todos os an-
dares e sobre tudo hora esquipador e pro-
prio |>ara carro por ser muito grande e de bu-
nita igiira, )ois avista do pertendente sedir
o motivo da vend, eda-se um pequeo praso
para se entregar o metrial caso nao esteje
promplo ; quem quiser anniineie.
de 35 annos boa vendedeira de ra cozi-
nia, e engomraa liso, e ptima para o servi-
co de casa ; em fora de portas na ra nova
Uo pilar na segunda casa do lado do poeute ,'
indodosul para o norte.
-----Uma pedra propria para solleira cora
^'seis palmos de comprido e dois de largura ,
no patio de N. Snra. do Terco D. 4.
-----Una moleque crioulo fde.idado de i4
annos t muito proprio para oservigo d'Agri-
cultura ; na ra do Rangel D. l3 lado da
mar.
- Uma rnolatinha de idade de 12 ai3
annos, conzinha o diario de uma caza, e co-
ze cha ; quem a pretender dirija-se a ra
Direitaj D 4o
S3JT Potassa Russiana era barris pequeos ;
em casi de N. O. Bieber na ra da Cruz nu-
mero 63.
13^ Potassa Americana branca em barr*
pequeos de superior qualidade barris da
farelo muito novo, ludo chegado ltimamen-
te da America; era casa de Ylalheus Austiti
& Companhia ra do trapiche nouo nu-
mero la.
cy Uno selim elstico de couro de porco ,
com lodos os seus prtences, tudo em boro
uzo ; na ra do Crespo D 2.
SST L'ns nlicerces sitos no atterro dos affo-
A visos Mar i ti tilos.
gados ; na ra da praia serrara de Joa An-
tonio Baptista "iiio!/.
cy* Urna nova e grande casa terrea sita na
ra velha da Uoa vista em chaos proprios ,
envidrass ida com grande sal 1 t quartos ,
coeinba fora quintal murado cacimba .
portao para a ruada Alegra e um quarte
que se pode alugar independente da casa e
com proporcoens para se fazer uma toxeira j
na ra velha D. $7.
tsr~ Um hora cavallo bastante gordo e com
todos os andares e sobre tudo bom esquipi-
dor, e proprio para carro por ser rauito gran-
de e de bonita figura ; na ra nova arraa-
zem D. 34.
tsr Broseguins para senhora 3aoo o par
e muitas outras fazendas de bom goslo por
preco coramodo ; na ra nova D. 11.
17" Urna cabra bicho muilo manca, boa
criudeira e com bastante leite por preco
commodo nos bairros baixos entrando pelo
beco da lenha do lado direito casa terrea de ro-
tulas verdes junto ao larapio,
^5 Camas de vento a 45oo muito bes
feitas e pinho da suecia de muito boa qua-
lidade com i polegadas de grossuru e da
Boas portadas de pedra do rio formoso ; diflerentes comprimentos ; em casa de J, Ue-
quem pretender dirija-se ao principio do at- ranger na ra da florentina.
trro dos afogados sobrado do Lima. L^-CS^ Os seguintes livros novos ; Miltlion
Uma cadeira da Babia em bum uso, el paraso perdido annaes de Tcito, potica
uma cmoda de amarelio envernisada tudo de Horacio em portuguez Conidio, Tito
por preco coaauudo ao p da cadeia, loja de Lvio cartas de Cicero Soleta, Fedro, liu-
Marcineiro, | raco N ate hez, Voltaire Faublas nova
Ou permuta-se por rasa nesta Cidade j Heloiza Virgilio, diccionario de fbulas,
um sitio no principio da estrada dos allitos Ignez de Castro, Flote filosoia, geografa da
com Casa de vivenda ; na praemba do Livra- Alves Branco e corografa l'aracnse j na ru*
PARA ANGOLA, a Barca Brazileira Flor
do Tejo quem quizer carrejar dirija-se ao
Capio a bordo ou o oasignatario Angelo
Civel da a. vara se hade arrematar em praca I Francisco Carueiro, na Prafa do Coramercioi
publica, a quem niais dor uma morada j PARA O .YlARANHAO o Brigue Kscu-
de caza terrea; sita na Ilua do Colovelo da < na Du.ule Terceiro ; quera quizer carregar ,
Boa-vista, i). 3, bem construida : salla; di rija-se ao consignatario Angelo Francisco
forrada echaos proprios; os licitantes com-1 Carneiro, na Praca do Commercio.
parecers no dia cima marcado. FRETA-SE r'ura um mercado em Europa
--- Foi preso um escravo iue nao sabe di- o vellciro Brigue Franeei d. primeira zer quem heo seo Senhor e se acha no cilio iote de cento e Mienta e nove tounelladas ;
do Capito Antonio Lins Caldas; a quem per- quem quiser afretar dirija-so os consigoUa-
tencer o dito escravo alise dirija, que dando nos L. O. Perreira & Mansfield.
as sigiiMcs Ibesei entregue. PARA L1X80A com toda a hrevidade ,
- Aluga-se uma boa cza no Manguinbo, o bem condecido vcieiro Brigue liou Jezus ;
cora um bom quintal plantado decaptm, e por ter pi'le de carga piompia ; quem quiser
estribara para cava!los ; a quem conVler di- carregar ou ir de passagem para o que
rija-se ao beco do Veras na caza de pasto, que
adiar] com quem tratar.
-----Deseja-se saber onde existe o Senhor
francez Leo BnuC de (iardonne Mudo de
Franca ha pouco lempo para se Ihe filiar a
negocio de seo iuleresse ; annuncie a sua mo-
rada ou dirija-se a lora de portas a direila
confronte o arsenal de Mariuha.
-----O Caixa da sociedade de Olinda laz
publico aos socios, que dos bilhetes comprados
da a. parte da 4- "" Lotera do Tiieatro Pu-
blico desla Cidade, te ve o premio de a5,ooo
rs. e que comprou para u dita sociedade 7
bilbeles e 3 cautellas da 1, parle da 5.
Lotera da Man i/, ua Doa-visla o que i.ou
turx caixa foi ilio res o numero dos Bilhetes
aio os seguintes inteiros N. i()\ %S.\,
meios nmeros 34 i 1 '- 3099 a3o7 a Jo i'iffj 5^82 35i ,
Cautellas N. 070 070 377 CmpfOU-
se estes bilhetes lu con u premio ui.ua dc-
.luVado c u fgsto reposorio o^.
ment I), ao.
Un esciavo crilo de idade de desesseis
para desessele anuos; uo beco do sarapalel, gar entulho por pre .0 muilo em conta ;
do Rangel D. 3i no primeiro andar.
IS3~ Uma canoa aberta uzada para carre-
D. 8.
Uma preta de nacao mucanbque, com
um lilho de 3 annos sem vicio nuui acha-
ques ; quem pretender dirija-se a ra velha,
sobrado de 2 andares.
Barris de salmao chegados agora de
Lisboa tambera se vende as libras ; na ra
da cadeia, n. (ji
^-- Sapalo sde borraxa ptimos para callos ,
e para sauJc como laobem para se passar a
festa 111 occasio dos bandos. Vedas de car-
naubas muilo alvas na ra do Rangel D.o, ,
sobrado que lera um relabulo de cera.
Dois lotes de terreno 110 lira di ra da
praia um alienado e o outro por atirra-
se ; os pertendentes dirijao-sea ra da sensa-
ta nova, n. 1.
Uiu moleque de idade de 16 annos ,
proprio uara pagem ; no armasem de Joio
[em exellenles cuibidJ^ ; dirija-se a Gau-
dino Agoslnho de Barros, delraz do Corpo 1 Carroll & Filho, praca do commercio,
Santo u. 7, ou a bordo ao Capitana Francis-
co Ferreira Marques,
PAHA MACEld, segu o Pataxo Vingador
del,- marcha, e aae iiuprelerivelmente ues-
Lestdias: quem quizur carregar, dirija-se a
Manuel Joaquim
Cadeia,
l\ o da Cosa ra da
.*
LeiJ o
Excedentes espingardas luglezas ilumi-
nantes de dous canos; na ra da Cruz, D-
cima 44*
-----Tres escravos macos com boas abe-
Jades 3 pretos bous para todo o servico ,
um dito velbo por 15o,000 reis, hora para
um sitio a Moleque de i a anuos bu la-
dinos uma negriuba da niesoau idade ci-
ma iia ra de Agoas verdes, caza terrea D-
cima D. 7.
-----Uma molata com uma filha de trez me-
zes com mu.o ; e hora leite que pode dar
625" Quefazem N. O, Bieber & Compa-
nhia por inlervenso do Corretor Oliveira ,
de uui i.un sortiment de Fazeodas luglezas ,; a duas criantes, na ra Direila D. i,
principalmente brms dos inais acreditados! -----Urna casa edificada em chaos proprios,
goslos, e entre ellas niuitMS lamburguezas de'cila no Bairro do Kecile rundo per lo daAl-
promptaexlraccio ; (^uarla-leira id do cor- fandega a fallar com Antonio Jos Francis-
ponto no co Veiga na ruido Atuorim ; ou da escadi-
reote 10 horas da manfla era
seu armasen da ra aa Cruz.
%r Cjue se faz de uma porco de Charutos tuazera de Antonio Joaqun Pcrcira,
da Uab Oiiiiiia-lcua iji do crlenle as 10 v%r
ni.a do desembarque da Alfandega no Ai-
Luii ue,ra de naco congo de ida-
rua de agoas verdes por cima doasso/.uc.
tsy Ura carrinho de duas rodas muito le-
ve com os seus arrei)*, tudo quasi novo,
a fallar na coxeira do fianees Miguel, no t -
trro da Boa vista lado esquerdo quera sabe da
ponte,
sjy Chales de touquim da India requissi-
mamente bordados de lindas cores, ieques
de charo da india e de papel pintado a
chinesa luvas c meias da seda, chales de
fil, eOlttraS q-ienquilharias ll'inburguezas.
e ferragens inglesas ; ni ra do Vigariu D-
cima 1 a.
_ l&" Chitas muilo finas de lodas as cores a
lo ocovado, cassas lavradis de boa quali-
dade a a.}" a v e cortinados a aoo a vara selinetas para cal-
cas a aoo o covado cambraias lisas a a So a
vera casemiras escuras a 640 o covado ; na
ra direila D. 9 defronte do beco da penha.
IST Uma escrava do nardo coznha e tam
principios de engommado ; na praciuha do
Livimenlo sabr da por cima da foja que foi
do Sr. lierculano
Z^r Chapeos de sold seda de rauito bom
goslo ; no pateo do collegio na loja de cha-
peos.
ss^ Na 1 na do Queimado D. 4 no primei-
ro andar, um sortimeuto de pianitos fortes,
oados pira forrar salas e cubrir mecas, um
sortimeuto de vidros, constando de copos ,
e garratjnbas tudo de muito bom goslo e
por preco coramodo.
&S7" Ura carro de duas rodas era bom es-
tado e por pre;o coramodo ; na ra nova na
coxeira do Augusto.
tT Um sobrado de um andar ainda novo ,
nao leudo aofiido concert no beco do sara-
palel D. 6 ; tratar no armazem de vidro ao
lado da radeia. ,


K yi h n j
D.___s____^^
^-^T. ch.Uea de me- d*U do Becife ees. de cambio 1.^ _J ^^Z^ ^ "* '
HHM*^mmaetA!-isr~*'-.l'*v*i'*>W
ur I spvrq
tino lucos de seiiro manas lo _garra ,
eos de linVio norias de tedas as qualidade ,
patos para hon-.em c senhora fitas de gar-
c*a lencos de seda de muilo bom goslO fa-
cas e garios de rnaifim ludo por preco com-
modo ; na ra dos Quarteis L). 2.
tSf Tres fardas para guarda nacional em
bom estado e por preco commodo na ra
do Queimado D. i3.
3^ Junco de lecer cadeiras a noa fibra
na ra nova luja de marcineiro junto a Igreja
da Omcvicao.
ey A venda da quina da ra do encanta-
mento n- 3 a tratar na mesma.
iST Principios de direito mercantil, e um
diccionario de Aloraes por preco commodo ;
na ra nova \). i.'\.
*2T oi terreno no lugar da Capunja com
lio palmos de Frente a 6000 o palmo; na ven-
da D. 8 da rus do Collegio.
&*y Um sobrado de um andar e sotan D.
ai, na ra da moeda, pertencenie a Anto-
nio Francisco Cabral residente na liba de S.
Miguel*, a tratar com Jofio Jos do Monte, |
ras 5 ponas, ou com Nicolao Rodrigues da
Cuaba.
t2r lTma portan dj ne!s de liino ; na casa
nova da pitombeira a diante da casa Forte.
XS&" Urna escrara de idade de 16 anuos,
engomma coztnha lava de sabio e urna
dita de idade 55 anuos cora as mesaias ha-
belidadel ambas se do a contento ; na ra
direila D. 20 lado do Lhramento.
tgr Lapins de llores para vestidos de Se-
nbora a 1,000 rs. o covado, pannos finos de di-
versas cores a "2,56o rs. cassemira ordinaria
de listras a 36o rs,, panno para alcatifas a
rcr Potaba de primeira sorte em i>"'ri?
penuenos no arma/ern de A. F. dos fcatotM
>arris
s
Braga
, e Tilomas, ua da cadeia ve-
Braga (unto ao arco de S. Antonio, Jos
ro da Silva e Jos Tavares da Gama ,
do
na ra da Moeda n. ia
tur CaulelNs da Vigsima parte da Lote-
ra da Boa vista gnnhando na sorte de 4
coritos de reis 2oo,ooo as lojas dos 5rs Lo-
pes Jnior, rnadaCrus, 1 lomba, l
Souza Pinto
la
Antn..
praca da Independencia ., Claudio ra
Cabug Chaves, ra nova nos 4 cantos da
Boavisla as duas vendas da quina e en ca-
sa do caixa da sociedade e faignaurios das
mesraas na ra dacadeiu velba n. j\ onde
tcmalein de diversos nmeros, collecoensde
So nmeros seguidos para qnem os desejar,
dando se duas camellas gratis ao comprador.
ar tima cadeirinha em muito bom uio ,
com correias novas, c urna colxa de damasco
encarnado bordada de fio de ouroj quem ijui-
tar Boga-sea todas as |authoridades po-
Iciaese canilles de campo a aprehendo de
cravo que nodia 8 do corrente sanio do
un esc
en-enbo Gtattrafat para ca praca cora urnas
ui'.s, evinhaemom avall castanhocom
um par de cacoaes c.m laranjas o qual eiw-
ma-se Jos,, -le nado beoguella wr prele ,
o tm quasi barba alguma bastante alto ,
pernas co.npfidas e finas, vestido de cami-
sa eseroula dealgodio nova, echapeo velbo,
auem o pe^.r leve a ra direita loja de cou-
ros delnnocencb Jos d. Silva O. n ou no
lito engeoho a Francisco Correa do Amonm
.Tiie ser gratificado,
" r^. Fdgio no dia 7 de Setembro do cor-
rele anuo anuo um escravo creoulo da no-
mo Joaquim de idade de 3o a o annos, lem
urna banda esloporada do ar que le deo coi
vo de urna nema aquil b Ha pira lora, o
braco do mesmo lugar alejado nao abre bera
a man a orelba turada con urna argOla, al-
serannuncie. irt ecco do corno he filho do tanga este
oo rs. Francklins de diferentes cores a
7 jo rs. o covado merinos superiores a 1,000
v v,-oo rs. e cassemiras
dezas l). 4.
Of- liiietes da grande Lotera de Vienna
de Austria que corre inevog iveimenle no
dia 26 de Novembro do correte anuo cons-
tando de 5 grandes palacios com jardins ,
campos bosques e prados, sendo o maior
premio ce um milbio 5411 '^ francos alem de
ajgoa preo.ios avultados que tem e rnelbor
se informarlo a vista do plano \ na ra do
Crespo l) lado do sul.
ar Dous eseravos de bonitas figuras de
idade de 18 a "o anuos um olfuial de al-
(jiate, e outro sapaleiro 5 molecas de na-
vas bolas, e no lempo destefurloa a senhora
e !evou-a para a Crpade da Parahiba onde ei-
leve com ella alguna anuos, e raudou o nome
de Joaquim para Lu'u, na noite que FuglO le-
vou da casa de seu sr. 8 colhers de sopa ib
ditas de cb urna corrente de relogio de pra-
ta um poWarino de plvora urna imagem
deS Antonio, omo'vulto de pilmo com
resplandor de prata e 5o,000 i queni o pe-
gar leve as 5 ponas em casa de Manoel v rao-
ci^co Ouimares D. a5 que se pagar toJa a
despesa.
i3y Na noite do dia 23 do p. p. fugiro
da Villa do iio Formoso ao aba'uo assignado,
dous eseravos senda um de noine Manoel ,
pardo claro de idade de u5 anuos, baxo
1 I e grosso em proporco pouca barba oiiios
cabello ralo e crespo e um tanto
cao de idade de >aa 18 anuos, com babe-
lidadeS -i eseravos para o servico decampo ,
no que eslao acoslutnados, de dado ile 20 ari-
nos, dous moleques de idade de 3 anuos,
ptimos para pageru e umaescravade
dedo ao annos, engomma, cozinlia e cose:j"8a ,*
vermellio semblante amortecido mcio lei-
,1
las de 640
a 800 rs. cassas finas pintadas a soo reis. ,
corles de dilas e de cambraias bordadas de
,6oo a 3.000 reis lencos de tedd da India ,
a ?>io 1,000, 1,280 reis, chlas e riscados
finos de r2o a 200 reis bCOS filos de linb >,
cambrais finas adamascadas e lisas, cazacas de
iMerin alodo* encornados d'ain;.rica ex-
'" .' iiTL branco com urna troixa em nuc conJuz 1 ou
clenles para vertir iSciuvutura c oulras vindaide Lisboa, mauleiga oruiuana para ? oo
l 1 1 i i i uaaes ile eatcas sc:i1j um nieto de ineri-
bolaxinlia por preco commodo ; aa luauas/! .? ; ,_ ______:...j.
na ra de aguas verdes 1). 8,
9P9* Urna porco de caibroi c cordas que
muitas divercas fa/endas por barato preco ;
na ra do Crespo ). 5. lado do Norte loje
ilo Sur. Cun ba Soares GuifflarSes.
tsy Sal do Assii a bordo do llrigue Escu-
na S. Jos fundiado del'ronle da lingoela e
um excellenle rarrinlio de duas rodas forra-
do e piulado de novo com arreios e cavallo
muilo bom ; na ra nova I), ja a fallar com
Deifino Gonsalves Pereira Lima.
SHT Boas uvas muscalel cm arrobas ou
em libras 5 noaeirodos aifogadoa sitio o
viveiio do Muniz.
pni
qui
da levon vestido calcas de brira de listras ,
1 iauueta de riscado ronco ciiapeo da castor
servirao eandames e urna portada e sacada J .
viuda j de Li
bolaxinba
Cruzea D. 9.
nO oulra aqueta ronxa do mesmo riscado ,
Bous sapatosfraoce.es de marroqu im jou mai* raiad, \J-*. COf de r0" fmii* e
parasenbora, ditos de duraque de Lisboa >eroul* de algodosinho o outro de ..orne
cezes de urna e duas solas dilos de couro de 'P,e" ,|t carne. nM P"10*' ,U P"a ua,a bf "
lustro, muito superiores pannos pretoa e de ,la levou camisa e calcas do riscado azul de
outras cores, e oulras muitas iazendas por a';;d*o um surrao de cauro de cabro proia ,
.do; na ra da cadeia do Recibe com ootra camisa e calcas da mesma qualida-
sin
feit
F
sed
bicos
tremolas de linbo com 3o varas, para lences no; no atierro da Boa vista f) y
e tcallias largasu i6on e mais estrello um ^ t/' Kicoscorlesde vestidos decambraia de
bom lora para seubora e menina, luvas bran-
cas de al >do para bomeai a .iio u par, ca-
semiras muilo boas e de lindos padroeus a
ifj'jo c aaoo o covado m<:as de Imito da
Escocia muito fina* para senbora a 1000 o par
e bom pannos (icios de todas as cores brira
de iiiiras para calcas ululas finas, lencos de
seda dito pelos suda de cores para col
e oulras muitas (agendas por preco commodo j
na ra do Crespo loja 1). i2 segunda quera
veai da ra do Oueiinado.
dedo a 44 9 retro* muo fino em titiras,
pelo e azul ferele ludo ebegado do Poiiu
un Barca Tentadora; na ra do [''agun les D-
cima 5.
Mr* m molatinho de idade do 12 anuos;
na 1 "a da penba ). 1 ?.
sj- Urna casa travejada bem construida ,
com 109 palmos do fundo e %"] e meto dilos
de largo livres das pareiiei com um ter-
reno de 5o palmos no fundo da dita, onde
se pode edificar uto bom trapiche, por or
bom porto de embarque, sila naruapraiaao
, da ribeira do peixe ; na ra da piaia sei-
rara do Cardtal.
tif Lima estrave de naci beugnelia boa
quitandeira no ailerro da Boa vista Deei -
ma -J7.
mr Bilhetes da Lotera da Matriz da Boa
viia a 8000 e useios dilos a ooo ; na ra do
Cabug loja de niiudesas junto a botica.
%sf Duas propriedades de casas terreas na
ra da calcada ou de Manoel coco novas n.
o, e 24 nestaTypografia se dii
ssyDiccionario Francs portugus jor Cos-
ta e S;i diio portugus latino dito ingle/. ,
Jonaibas orates de Cicero ero portugus
e Ponele e urna rede de tnaquera vinda do
J'at 1 no Lecodo peixe fulo D 4
tjST' Os restantes dos bilbetes da grande lo-
ia de Vienna de Austria que corre no da
a'.-do rente contando de 3 grandes pala-
. ,o> cun jardins, campo?, bosques e (irados,
iidoo maior premio de um roilhao 541142
Vranccs alen, do a3yoa premios v u i (a dos ,
jAtaado plsi.uja traduzidoj na rui da <-a-L
ct Carne muito boa do sertiu ; na
da praia no armazem junio ao Vapor.
tisera vos Fu idos
ra
que unan lo anda he devagar e com a cabera bai,
\'n-, levou carniza d'algodaozuho, ,;a|ca de
estoupa Cfilete preto e barrete encarnado
quem o pegar leve-o ra da Penba lado da
Iiivrament sobrado de um andar qtle ser;
bem recompensado.
__. A'ssete horas da roanli do da 14 fo
corrente fugio desta praca um escravo creou,
lodnoroe Marcelino, cora os slgnaes se-
guiutes oslatura ordinaria coapo bem ti.
rado um tanto espadando hera Feto da
nemas pese raaos os dedos um tanto com-
pridos tanlodos ps cmodas mos ; levou
carniza d'algodozlubo e seroula do mesmo
sabio sem chapeo : este negro andar a nove
annos fgido e eMava morando em trras do
Cngenho Aguiar como forro e cazado com fi-
lho, conhecido pelo nome de Joaquim Do-
mingues. Quera o pegar o couduza a esl
praca a entregar na ra do Palacete a Antonio
Brasiline de Molanla Cavalcenti quegratjj
ficar com generosidade.
Ci* No dia (j do corrente desapsreceo um
negro que reprsenla ter 18 a !<*, anuos de
idade de naco benguella algum tanto bu-
cal de nome Joaquim alio cabeca pe-
quena boca e beicos grandes, esempre an-
da com a boca aberla levou vestido camisa
de algodaoziuboazul ,, calcas brandas ou da
mesma cor ludo muito sujo ; quena o pegar
leve a ra da Cruz por delraz do Corpo San-
to armazem de trastes n, 3i que sj gratificara
com o.oooi
-----Iloga-se as Authoridades polieiaes
pessoas particulares, e capites de campo tan-,
to o malo como da praca queira appre-
hender a um moleque creoulo que reprezenta
iG annos com os signaes stguintes : essatura
balsa ;rosso do corpo nariz grande
chato ps grandes e apalhetados com falta
le cabellos na coroa da cabe -a ; levou vestido
camisee cerouU d'algo lo da ierra % a cerou-
la fomprida maneira decalca ; desconfia-sa
(|ue leha seguido a cs'rada de S. Anlao por
ser filhodePaje de Flores, cujo molequa
Fugio na noila d# 11 para 12 do corrente;
quera o pegar leve-o s 5 p5nlas paderia D.
2o que ser recompensado.
Hoga-se as authoridades policiaes, e
pessoas particulares, a apprebcnco de urna
escrava fgida no dia sabbado de Aleluia deste
anuo, dos signaes seguntes : GertruJes,
aao Angola representa ter quarenta annos
pouco mais ou menos, e j tem cabello
brancos -, estatura ordinaria rosto rniudo ,
peitos regulares corpo seco o p esquerdj
be mais largo que o direito e tern no peitfl
do mesmo uma sicatriz redonda do tamanlio
dequatro vintens dt prata n qneixo de ci-
ma da parle esquerda Falta-lhe um dente e
a fenle dos mesmos he aberla menos os a
Vente tem ni p esquerda uma sicalriz
mais
gas
ves-
ro
ncar-
mi
re-
fo
sta
.Manuel .Vives Ribeiro os quats
despesat alem da gratiScaco. Jos Luizda ;lJa(le; c?sla,f!u.c_llfe "tn.,ni,la de UlU Clbr*
Silva (.jniriiies.
de nome Benedicto capateiro escravo que
s-y Nodia 3 de ouiubro desapareceo da
fre'ucsia de S. Miguel dos Barreiros um ai a Joio CaprislanoTorres Galindo, ser
roolaio com os signaes seguiules ) sabe ler e | bem recompensado
. pendurado pe. as finas, pouco barba, calw df ***** ao wnhccimento do Sr. da ne-
reprosenla t r 3oaiinos do gentio de angola, ra *c,ma Jec arada que tendo ella deixado
lome Miguel, a negra que he -mulberdo '
dito 1 liama-se Sabina ter de idade 3o an-
uos 1 beia do corpo tem em urna perna uma
mana de ferda que quasi entorta o pd, cu-
ja marca lie a tima da junta do p tem os
beicos grossos; ta praca ao llio do dito fallecido na moradia
que l'o do mesmo ou na poveaco de gra-
escrever bonita figura aito e seco do ror-
po alguma oousa carnudo roslo cumprtdo ,
naris rande e groe i, sobrancelhas Fexadas,
denles limados cbelos crespos ; consta que
anda con um papel laico em nome de for-
ro ; qualquer pessoa 011 aulhoridade que
pegar poder enlrega-loao sen Snr. na mes- othos t
ma Fregueza de Barreiros, Joze de Soza Car- j alegre
dozo no recil'e a Antonio Dias da Silva Cardi-
al : que ser generosamente recompencado.
iss* fugio no dia pimeirode Outubrodo
p. p, da casa de Jos Alexandre Ferreira, um
escravo de nome Martn bo, creoulo, cauo-
, iro alto cor bastante preta pouca bar-
ba reiorcado do corpo quando anda tem
i ilo no 1 por cauta de terliilhadOj quem o
-----Fugio nodia 21 d'Agosto p. p. um
escravo pardo de nome Felippe-, de idade
de 5'j annos pouco mais ou menos com as
feices segu 11 tes alto seco do corpo, espa-
duad e canidodo rosto comprdo e fula,
barbado, desuicas Feixadas nariz afilado ,
e boca pequea com lodos os dente,
ecarinbozoi quem o pegar nesta
iraca entregue o Snr. .Manoel da Fonceca e
."Silva, noCear ao Snr. Joo Facundo de
Caslro alenezes que ser bem recompensado.
U" ufo dia 19 de Marco do corrente anno
desapareceo um escravo aiuda meie bucal de
nome Miguel, de naci Kebolo estatura
ordinaria cor fula aigunscabellos na pon.
a doqueixo, repreienti ter vinte anuo,
gora na companbia de um pardo forro ven-
dendo miudezas para as partes do Pao do A-
Iho e Limoeiro em cujas villas se tem vis-
lo : o pardo tambem vende miudezas.
xUoviuiento do Porto

NAVIOS ENTRADOS NO DIA i5.
POUTOSO NORTE; 17 dias, Barcada
Vapoi Maranbenre Commandanle o Te-r
nenie 1 tus Curneiro de S.
RIO DE JANEIRO 3o dias Brgue Njc
Deifim Cap. Joaquim Jos dos Santos,
PHILA DELPHI A ; 44 das Escuna Ame-
ricana Genera l V at rem Cap. Charles O-
lyle.
OBSERVACOENS
Fica fundiado no lamairau ura Brigue ln-.
glez.
ERRATAS
Na revista mercantil de honsem em lugar
do cambio sobre Londres a 3i e i|2 leia-se
a 31. ______________
IUvGitir,,4 Ti" VtVtbM.F* BfsJ^i


Full Text
xml version 1.0 encoding UTF-8
REPORT xmlns http:www.fcla.edudlsmddaitss xmlns:xsi http:www.w3.org2001XMLSchema-instance xsi:schemaLocation http:www.fcla.edudlsmddaitssdaitssReport.xsd
INGEST IEID E43IUDNED_OREOP4 INGEST_TIME 2013-03-29T17:19:55Z PACKAGE AA00011611_04163
AGREEMENT_INFO ACCOUNT UF PROJECT UFDC
FILES