Diario de Pernambuco

MISSING IMAGE

Material Information

Title:
Diario de Pernambuco
Physical Description:
Newspaper
Language:
Portuguese
Publication Date:

Subjects

Genre:
newspaper   ( marcgt )
newspaper   ( sobekcm )
Spatial Coverage:
Brazil -- Pernambuco -- Recife

Notes

Abstract:
The Diario de Pernambuco is acknowledged as the oldest newspaper in circulation in Latin America (see : Larousse cultural ; p. 263). The issues from 1825-1923 offer insights into early Brazilian commerce, social affairs, politics, family life, slavery, and such. Published in the port of Recife, the Diario contains numerous announcements of maritime movements, crop production, legal affairs, and cultural matters. The 19th century includes reporting on the rise of Brazilian nationalism as the Empire gave way to the earliest expressions of the Brazilian republic. The 1910s and 1920s are years of economic and artistic change, with surging exports of sugar and coffee pushing revenues and allowing for rapid expansions of infrastructure, popular expression, and national politics.
Funding:
Funding for the digitization of Diario de Pernambuco provided by LAMP (formerly known as the Latin American Microform Project), which is coordinated by the Center for Research Libraries (CRL), Global Resources Network.
Dates or Sequential Designation:
Began with Number 1, November 7, 1825.
Numbering Peculiarities:
Numbering irregularities exist and early issues are continuously paginated.

Record Information

Source Institution:
University of Florida
Holding Location:
UF Latin American Collections
Rights Management:
Applicable rights reserved.
Resource Identifier:
aleph - 002044160
notis - AKN2060
oclc - 45907853
System ID:
AA00011611:01683


This item is only available as the following downloads:


Full Text
x. :f.

fcJNO DE 1838.' R*{a\;)^L[R\lDEJUNHO UHE
3915^
1
NAMBUCO.
*-n. n ,s aflautados, na Titio?rafia d Diario, rm do Sol D. I: onde m receben correspondencia*, e
SmTSSE 5 da 4e nal* ooadtcoes, pag*r Pr caaa*lnha .npressa 40 rs.
Secunda- S. 9'oJ. da F e and- do O- do Cr- -de m. C do O-
m fiv. e Ch. de t. P- as 9 h. 18 m- dapi.
dF. de t Q- cresc. aos39 minntos da t. r. a? W)^ 6 m- da nv
Ttido agora depende de ne mcsmoa, da nossa prudencia, mo-
deracao, e energa; continuemos cmp principiamos e sereme a-
pontados con adaracSo entre a Nacces oais cultas.
Prodomtf&o da sumblep Germl do Brmttl.
Smpreffo em ^evnsmbtico pot ZLutonm %m ae fl&ttatida tf ateao.

T,
EDITAL,
Endo de provale pela Junta da Fa-
zenda d'tsta Provnola osEmpregosdeCol-
lectores, e Escrivaes, que nos Tern\os de
cada huma das Cmaras da mesma Pro-
vincia devem encarregar-se das Rendas Pu-
blicas abaixo desoriptas dol. de Julho
prximo futuro em diante: Manda a dita
Junta convidar a* pesseas que qotserem, e
estiverem as circunstancias de bem servi-
rem os ditos Empregos, para que quanto
antes llie dirijao osseus requerimentos, nos
quaes facao iogo declarado dos nomes dos
fiadores idneos, que por ellas estro prom-
tos a responsabilizar-se, istobe, quanto pa-
ra Collectores, por serem os Escrivaes lien-
tos desta obrigacao. Adverte se, que os
requerimentos dos Pertendentes, que rezi-
direm fora d'esta Cidade, devem ser infor-
mados pelas Cmaras respectivas, asjpiaes
tatnbem informara sobre a abonacao dos
fiadores offerecidos. Aos actuaes Collocto-
res, e Escrivaes da Decima dos menciona-
dos Termos, be licito entrjnr em concurso
com outros quaesquer Candidatos.
egtrtog t>o$ Conectte?.
i
Termo da Cmara doRecie, menos astr*z
Freguezias da Cidade
Termo do Cabo
Dito de Serinhaem
Dito de S. Antao
Dito de Olinda
Dito de Iguarac
Dito de Goianna, e Itamaraea
Dito do Pao do Albo
Dito do Limoeiro
J_
X
l
Dito de Cimbres
Dito de Garanhuns
Dito de Flores, Julgado do Cabrob, c
TacaratCu
RENDAS.
Siza dos bens de raz
M*-ia Sza dos Escravos ladinos
Imposto* denominados do Banco
Dito sobre os Botequins, e Tabernas
Taxa das Heran^as, e Legados
Sello dos papis /.,-. Jv
Imposto sobre as cazas de Leilao, e de Mo-
das ,
Dito de 20 por cento sobre o consumo Jas
agoas ardentes de {iroduc^o I^razileira
Novos, e velbos Direito* I
Subsidio Literario de 320 rs. por cabeca
de gado .
Novo Imposto das carnes verdes, de vacca
Dizima da Chancellara-
A arrecaiacao do Novo.Imposto das car-
nes verdes de vacca, por este methodo, sd
ter por ora lugar nos Termos das Carpa*
ras de Gyiimn?, Pao do Albo, Limoeiro,
Igi.araWi, e Serinhaem, por se adiar nos
outros arrematado at 30 de Junho de 1833
e em Administrado at o fim do correte
anpela cobranza, e fiscalisacao doslnipos.
tos acimagjeclarados, excepto da Pizi-
ma da Chancellara, perceberao os Collec-
tores, e Escrivaes 5 por centone ludo quan-
to entregaren* nos Cofres geraes daFazen-
da Nacional, os quaes depois de deduzdas
as despezas dos Livros, e do mais que ne-
cessariofor, repartirao entre si, recebado
o Collector na razao de 3, f o Escrivao ;i^
razao de 8: i>eU Dirima da Chancellara^
^*
y
',


<\ w
liaverao na mesma razao de 3, e 2, 4 por
cento de tudo que arrecadarem amigavel-
mente, e 5 de que se apurar pelos meios
judiciaes, alem do que lhes tocar, como se
fbssem sollicitadores da Fazenda Nacional,
nos lugaresem que os nao houver, no que
nao tem parte o Escrivao.
JE para que chegue a noticia de todos se
J mandarao afixar Editaes nesta Cidade, e
fora d'ella, e publicar pela imprensa.
Recife 28 de Maio de 18.32.
O Escrivao, e Deputado
(1552)
T
v
73





P,
Joao Gonqalves da Suca,
AVIZO.

Ela Secretaria doGoverno da Provin-
cia do Rio Grande do Norte, se faz publi-
co que em consequencia da .resolucao do
Gonselho do Governo da mesma Provincia
de trez de Abril docorrente anno, eachao
em concurso as Cadeiras seguintcs = De
Philosophia Racional, e "Moral, Rhctorica
Geometra, e Francez, tenfo as duas pri-
meiras seiscentos mil res de ordenado an-
imal cada huma; e as duas ultimas qui-
nhentos mil res cada urna s -fim de que
as pessoas que estiverem as circunstancias
de ser nellas prvidos, e se queirao oppor
qualqur d'ellas, comparecao, competen-
temente habilitadas, peante c dito Conse-
lho, rodia 2 de Julho prximo futuro.
Secretaria do Governo na Cidade do Natal
15 de Maio de 1832.
Miguel Alvares Teixeirade Menionqa
Secretario do Governo.
r p.
c
AjS'KDOCTA.


OErto Delegado de um Juiz- de Paz
dirigi aoseu Juiz o seguinte Officio
" Illust. Snr. J. de P. Eu fui .ue man-
dei prender ao Suplicado pelo referido sol-
dado em consequencia de denuncia que te-
ve dada por hum Brasileiro de tersido hura
dos do bgo do Recite: a esta denuncia a
cresce o Suplicado hir manqueijando como
estropiado ou ferido do logo eder muito
mal delle a tama publica. Dos Guarde
&c.
ANNUNCIOS.

o

Abaixo assignado, como Presidente
.oConselho de Investigacao relativo ao
9 ,ex!mcto Batalhao 53 da gnnda LfaJ,
V
sobre os^TTontecimentos que tiverao lugar
nos dias 14 a 16 de Abril p. p., avisa to-I
do* os Senhores que tiverem de depor, ajf
tal respeito, compan^M) em/jualquer dos^
dias uteis no respectivo quarMdo Batalhao
54 da mesma linha das 9 oras, as 2 da
tarde. Recife .30 de Maio de 18.32.
Joze Joaquim Coelho.
fttf O Collector da Decima dos Predios
Urbanos do Bairro de Santo Antonio do
ecife, anuncia aos proprietarios dos mes-
fe que de boje em diante principia a re-
beber a boca do cofre o segundo semestre
vencido no corren te mez, assim como tam
bem os a trazados, pafa'o que se achara na
respectiva Reparticao todos os dias das 8
horas da manfla as 2 da tarde. Recife 1.
de Junho de i 0.32.
Manoel Rodrigues de Ohvcira.
.9atric* a jfvetc
OBrigue Escuna Americano Nancy
apin Capjtao.WiIsoade 150. Tonella-
das, muito veleiro eprompto para qualqucr
viagem ; quera o pertender dirija-se a Luiz
Gomes Ferreira & Mansfield.
densas.
%J M negro pedreiro, caiador, ecozinhei-
10, muito hbil para todo o servido: na bo-
tica da ra dos Quarteis.
3* Um sana rio de Imperio, e outrus
passaros de muito bom gosto: na ra do
xHgSo D. .12.
0?% Urna negra de 20 anuos, coslurei-
ra, cqgjiiheira,.. engomadeira, lavadeira.:
na ra da moeda n. 142 1. andar.
3* Urna cadeirinha de bracos nova, de
bonita pintura,, e forrada do niilhor gusto
por preco commodo: na ra do Colhgio
D. 10 2. aitfar.
(3* Um'sitio na estrada de Santa Auna
com^arvoredos de espinhos, e outras Irutei-
ra,fcom caza de pedia e cal, senzala cte
pretos, e estribara, tudo de muito bom os-
to. Um terreno no atterro dos Aftbgados
da parte da mar pequea com 320 palmos
de frente,- e futido ale a baixa mar. do rio
Capibarbe. 2 canoas grande novas, a sa-
ber urna aberta pelo mejo, ootra quaze a-
cabada, e qualquer dellas carregao 1:200
tijolos de al venara : anuncie.
3* Um preto de Angola, boa fi gura:
na ra do Rozario D. 24.

t
*
j.


1



9
\
1

(1553)
3~ Urna venda na na do Ygario n.
}%&: atrs? do Corpo Santo a falar com Jo
%ze Bnto Ferrcira Baltar.
{?' 2 cscrayos p^preqo muito commo-
do : na ra ti. Aurora N. 9.
. 0=3* Un mola f o de 15 annos, boa figu-
ra, sadio, e corh boni adiantamento no of-
ficio de capateiro: na ra do Rozario ca-
za de Felis Joze Ta vares de Lira.
3* Para fora da tena um negro moco,
com ofricio de pedreiro: na ra da Senzal-
la velha n. 44.
3" As seguintes obras de Jacaranda: 12
cadeiras, um canap dito, duas ba-
cas, 1 meza para rneip de salla, tudo qua-
se novo, 1 guarda roupa moderno, vinero a
porteo do porto, 1 aparelho de cha, e caf
de touea fina, 1 selim uzado: na ra da
Cadeia velha n. 41 1. andar.
G^' Ua tenda He tanociro com lodosos
pcrlcnces novos na ra da Madre Dos
defronte da Botica.
fc5" Bixas grancles*por preeo commodo:
sevada a libra a 120: na Praea da Boa-
vista botica D. 10.
3* Urna caza de um andar na ra da
Senzalla velha no Recife: anuncie.
(3* Urna por^o de bezerros e marro-
quim de difFerentes qualidades para capa-
teiros; e papelfio bom, sortido, por preco
coaimado: na ra Nova n. 23. Na mes-
illa caza e fabrica de chapeos offerece-se
um sortimento de chapeos de seda de diver-
sas qualidades e formas modernas^ ven-
dem-'se em quantidade, e cada um for pro-
co commodo, e fambem tem aprontado
chapeos de maca, com pelo de seda formas,
e qualidades muito superiores.
3J Por 1:200#000 rsa un coore corren-
te., urna pequea quinta distante da Cida-
de do Porto urna iegoa, na Freguezia de
S. Cosme, no lugar denominado Prelada,
a qual tem una boa caza de pedia e cal,
mu sufliciente para qualqucr familia; com
commodos para lavrador, e tem um Mina
a porta,de caza com magnifica agoa : na
Praca da Uniao loja n. 20, se dar as oa-
is exactas informacoes, e se tratar o ajus-
te.
C^ Farinha de muito boa qualidade em
sacas a 3000 rs.; e sem saca a 2560 ;'e
cha superior a 1600 a libra:' na'Praca ra
Uniao n. 20.
3* 2 escravos ainda mossos: no atierro
da Boa vista n. .'30.
G^ Um escravo calador, e>pintor: na
ra da Cadeia ao p da caza do defunto
Dezcmbargador Farias das p at as 9 ho-**^*3
ras da manfla, e das 2 al as 6 da tarde,
falar com Francisco Xavier Cavalcante.
Compran
i \J M\ espada de bainha de fero, jsendo
boa : na Praea da Uniao n. 10.
G^ Caixas com porc,ao de traques: an-
nuncie. ^
20 a .30 feixes de arcos de ferro de con-
certar caixas deassuctir a prazo e 6 me-
zes com boa firma que seja por pre^o com-
modo: anuncie.
3* Urna caza terrea: na ra das La-
rangeiras D. 12 defronte doCirurgiao Pei-
xoto. /
{3* Compra-se ou aluga-se urna canoa
aberta, maneira, que ca regu 8 a 10.5 rs.
de lenha: na ra do Collegio D.<" 10 1. an-
dar.
3* Um negro bom cozinheiro que sai -
ha desempenhar o seo ofricio com perfeico
nao sendo bebado, fujao, 4iem ladro: an-
nuncie.
G^* Urna caada de leite diariamente a
preeo de 960 rs.: no botequim da ra das
Cruzes D. 3.
3* Urna caza terrea, sita nos Bairroi
do Recife, ou Boa-vista: na ra do Roza-
rio botica D. 7.
63" As obras de Marilha de Dirceo, e
Pqezias de Mafia, estando embom uzo: a-
nuncio.
3* Um negro novo que saiba cozinhar:
n ra dos Barbeiros n. 8 defronte da Al-
andega velha.
ailuguet%
A..
Luga se o Botequim com Bilhar na
ra de S. Bento em Olinda: na ra do
CastiHiano caza pegada o Theatro.
%3r Aluga-se a caza cita delronte da
Bica de S. Pedro: na ra do Cocho de-
fronte de urna loje de Alfaiate.
03* Ahrga-se o 1. andar de urna caza
na ra da Lapa : no Forte doMattos Pren-
9a do Pinheiro N. 214.
r

#ctDa*
A
.
mr
apm
P
_1_ Erdeu-se urna carteira com papis
de importancia do Recife at a ra do Quei* '
mado roga se a quem achou e quizella H|s-
' ni


r^
_
J-.
0M)
Y
*rr
4
ituir leve na ra da Queimado na k)]a D.
W- que- serli recompensado.
EMperdeo um^uete de cobre as-
nado por Bento Mojeira da Silveira,
dando o signal da quantia intregar-se-lhe-a
na ra do Crespo loja D. 3.
furto*.
J>N ^
N.
A noite 29 do mez de Maio p. p. fur-
taro hiim taixo meio m bom iizo do
quintal da caza D. 39 na roa da Gloria
da Boa-vista; rogase a qualquer pessoa a
quem ior oferecido para comprar* ouquem
souber onde esteja poder dar parte na ca-
za D. 8 no beco do Veras na Boa-vista se
gratificar.
fcf- Furtarao um copo de prata de be-
ber agua, quem o descobrir, ou lhe for of-
lerecido, queira aprehendello, e entregar
no 2. andar por cima do botequim da
ra do Collegio.
$Uh?oj5 paxtaxlaufr
vJ Srnhor Antonio Pinto da Silva, que
anunciou no Mercurio n. 162 de segunda
feira 28 de Maio retirar-se desta Provincia
quena pagar o que deve a Marcelino de
Souza Pereira Britto. ^
3* O abaixo assignado julgando-se nao
dever nada faz o presente adevertin^o que
se alguma pessoa se jugar aeu credor a-
nuncie por esta folha a quantia para ser
com presteza indinizado,
Antonio Jos de Rozas.
(y* O Senbor que no dia 24 de Maio
quando sahio do theatro se dirigi a ruadas
Larangeiras D. 2, e que pela mauhr an-
tes de retirar se carregou um tranceln* de
nuro da dona da caza, queira quanio ates
(ou por favor pois ja basta agracinha) vir ,
entregar na mesma, alias ter, o goato de
ver seu nome publicado. **
3- O Alemao que auunciu no Diario
n. 394 do 1. 4o corrente querer servir de
feitor de um sitio perto da Pra^a, procure
na ra do muro da Penho D. 6 das 6 ho-
ras da manha at as 8.
1
J^* MtWel Cactao Vieira, Margino
de Soza Castro, Joze Siqueira, Camello,
Manoel Martinsda Silva Menear, Fredenco
Henriques Luttkens, ^toquim Joze Coe-
lhorofficial de ferreiro^f JocfyVntonio de
Castro retirare desta Provincia, deixaiuto
o utimo sua caza no mesrno giro sob a
administracao de sua mulher, e Manoel
fxoncalves Cliaves.
(f- As pessoas, que nao tiverem aterido
pezos medidas &c. tenhao a boudade de o
ir fazer quanto antes na caza da reziden-
cia do actual Aeridor JooHilario de Bar-
ros, Aferr da Boa Vista D. 24, lado do
Norte.
#& Joze Baptista Ribeiro deFaria com
sna familia, e Antonio Pinto de Araujo re-
tiro-se desta Provinca,t pelo que rogo a
seus credores qjiewao comparecer as ca-
zas de sua residencia, adoprimeiro na ra
da Cadeia velba N. I par&eujo fim marca
o prazO'de 3 das; e a do&gQftdo na ra
dos Quarteis D. 3 at o dia 1.0 do corren-
te.
1

A
NOTICIAS MARTIMAS.
Navios entrados no dia 29.
.
_VRE deGHACE;37dias; G. Franc.
Camoes, Cap. Edou Victor Velex: dic
rentes gneros. Passageiros 10.
PARAHIBA; 6dias; B. Ing. Diana,
Cap. Gfebrge Baraitebaite: assucar. Pas-
sageir 1.
ILIA de FERHANO de NORO-
NHA ; 4 dias; E. Bom Fim, Cap. Luiz
Manoel Vi raes.
SAMATHETS; S. PensammtoFe*
/s, M. Joo Rodrguez Amaro: farinha.
Dia 30.
RIO FORMOZO; 1 dia; Hiate Feliz
Pernambucano, M. Joze Joaqun Baptis-
ta: assucar. Passageiros 3.
Dta3\.
FALMOUT; 45 dias; B. Ing. Crete,
Cap. Guilherme Marter; lastro.
T,
Hahidos no dia 29.
__ RIESTE; B. Ing. Scolia, Cap. John
Malcom: assucar.


*5

PtR.YJMBUCO A*A TlP0GM4FIJt DO Di ARIO, RA 09 S D. 1. 1832.
-*.


Full Text
xml version 1.0 encoding UTF-8
REPORT xmlns http:www.fcla.edudlsmddaitss xmlns:xsi http:www.w3.org2001XMLSchema-instance xsi:schemaLocation http:www.fcla.edudlsmddaitssdaitssReport.xsd
INGEST IEID EZDFABL8T_C4N72B INGEST_TIME 2013-03-27T16:31:16Z PACKAGE AA00011611_01683
AGREEMENT_INFO ACCOUNT UF PROJECT UFDC
FILES