Diario de Pernambuco

MISSING IMAGE

Material Information

Title:
Diario de Pernambuco
Physical Description:
Newspaper
Language:
Portuguese
Publication Date:

Subjects

Genre:
newspaper   ( marcgt )
newspaper   ( sobekcm )
Spatial Coverage:
Brazil -- Pernambuco -- Recife

Notes

Abstract:
The Diario de Pernambuco is acknowledged as the oldest newspaper in circulation in Latin America (see : Larousse cultural ; p. 263). The issues from 1825-1923 offer insights into early Brazilian commerce, social affairs, politics, family life, slavery, and such. Published in the port of Recife, the Diario contains numerous announcements of maritime movements, crop production, legal affairs, and cultural matters. The 19th century includes reporting on the rise of Brazilian nationalism as the Empire gave way to the earliest expressions of the Brazilian republic. The 1910s and 1920s are years of economic and artistic change, with surging exports of sugar and coffee pushing revenues and allowing for rapid expansions of infrastructure, popular expression, and national politics.
Funding:
Funding for the digitization of Diario de Pernambuco provided by LAMP (formerly known as the Latin American Microform Project), which is coordinated by the Center for Research Libraries (CRL), Global Resources Network.
Dates or Sequential Designation:
Began with Number 1, November 7, 1825.
Numbering Peculiarities:
Numbering irregularities exist and early issues are continuously paginated.

Record Information

Source Institution:
University of Florida
Holding Location:
UF Latin American Collections
Rights Management:
Applicable rights reserved.
Resource Identifier:
aleph - 002044160
notis - AKN2060
oclc - 45907853
System ID:
AA00011611:01402


This item is only available as the following downloads:


Full Text

lill *
:
NO DE51831. SEXTA FEffiA 7 DfroUTUBR) NUMERO 21 3
rcn,,o A, ^"-.ft.rjtliSS tJo%Z-"' "* "*- --* nnunc, fe-
1
es deverao aJem das
. essa 40 re., e ser en
Livramento D. 16, ou na
___._
I

V
&*
.
9tynm em pttmmtom por antmno jege tt 4ptraiito-#ttm

Tudo agora depende de nos mesmos,' da nossa prudencia, mo-
deracao, e energ-ia; continuemos como principiamos e seremos a-
pontados com adimracao pntre as Nac,oes mais cultas.
Proclamado da Asseinblea Gcrnl 4o BratiL
' ^

ARTIGO >E OFFICIO.
I) y
XaA. e Exm. Snr. Tendo chegado ao
conheciraento da Regencia que por mutas
Provincias do Imperio se encontrao alguns
Estrangeiros de differentes Nacoes, mpre-
gados m diversos lugares Pblicos, com
escandalosa violacao da Constituicao'do
Imperio, e quebra dos interesses, e regal-
as dos Cidadaos Brasileiros, que lhe cum-
pre zelar. A mesma Regencia em Nome
do Imperador Ordena, que V. Exc. ex^
aminando escrupulosamente a naturalidade
de semilhantes empregados nessa Provincia
haja de os despedir preenchendo os lugares
assim vagos com Cidadaos Brazileiros, a-
doptivos, ou naturalisdos; sem com tudo
entrarem nesle numero aquelles Officiaes
Estrangeiros do Exercito, e Marinha, que
segund a Lei da Fixacao das forcas de
25 de Novembro de 1830 devem ficar no
Servido, Dos Guarde a V, Exc. Palacio
do Rio de Janeiro em 18 de Agosto de
1831 ~4oze Lino Coutinho. Snr. Joa-
quitn Joze Pinheiro de Vasconoeilos
Cumpra-se, e registe*se. Palacio do Gk>
verno de Pernambuco 5 de Outubro de
1831 -Pinheiro,
vacan.
A Cmara Municipal da Cidade do Re-
cife e seo Termo. #c. i
Mj Az saber aos habitantes deste Munici
po que se hade arrematar a quem J)Or me-
nos fizer, no dia 15 do crtente na casa
de suas Sessoes pelas 11 horas da manha
as obras, e reparos que se precisao fazer
no assougue das 5 Pontas e Matadouro da
mesma, a saber os do matadouro em
167#200, e. as do assougue em 1:065#440
rs, E para qiie che$u noticia de taos



-V.
mandou-se passar o presente e affixar los-
lugares do eostume. Caza da Cmara Mu- *
nicpal do Recife em Sessao ordinaria de
4 d Outubr deo 1831. E Joze Tarares
Gomes da Fonceca o subscrevi,, Antonio
Elias de Moraes P. Joao Francisco Bas-
tos,, Joao Pires Frreira,, Franfeco An-
tonio de Oliveira,, Vicente Fefreka dos
Guimaraes Peixoto^ Antonio Joze Pi-
res. .0


.


>
i OnvAd em todo tempo implorar o5
Divino ttxito ^para que nos proteja, e W\
qual as 'ctuaies ereustancias mais dev^V
mos impetrar, Determinamos que todos os
RR. Sacerdotes na Selebracao do incruen-
to sacrificio, segundo a ordem dasrubrieas
do Missal, recitem a raca,o Pro concor-
dia in Congregationeservanda Deus Lar-
gitor pacis em quanto nao mandarinos <
contrario. Palacio da Soldade 4 de "O-
tubro de 1831. -
Perdigao.
Bispo Contfrmado, e V, C.
*^Nr. Editora Por mmha desdicta tive
a infetcidade de me dirigir a caza do Snr.
Dezembargador (Xividor Geral do Crime,
para eflfeito de despachar certo reqerimen-
to, e creia-me que nao acostumedo a espe-
rar Vt topos de escadas, pela primeira vez
pssei^or esse dessabor, e ressentklo de
hum tSogrooeiro procedimento, assentei
que me devia dirigir a Vmc, e asseverar-
lhe que o Senhor Dezembargado* do Cri-
me me nao parece como se diz, e nem tao
puco pode s^ Comparado com oseo filus-
tre Irmao o Senhor Ernesto, verdadeira-
mente digno dos Waiores enconis, e lou-
i
\


'JF
V
e
i
<*
c (864)
.
vores. Se Vmc. Snr. Editor inserir em
sua folha estas duas linkas; ficar-lhe-ha por
isso obligado
O Seo Patricio, e Amigo
Filippe Servido Bizerra Lavoteante.
i
o
at?o noCormo.
u
i
i ;

yj Brigue Principe Imperial, de que "
Mestre Joaquim Joze de Souza, parte pa-
ra o Rio Grande do Sul com escolla pelo
Rio de Janeiro, no dia 15 do corrente.
,0-*. .'.
Jato a frete.
jgk FRETA-se para qual quer porlo des-
ta Provincia, ou mesmo para alguifr { das
outras a Lancha S. Joze Viajante muitO
veleira, e segura, propria para qual quer
especulacao por ser de lote de 28 caixas
de assucar, os pertendentes dirijao-se a ra
da Cruz N. 3.
amtutacao*
S.'
Abbado 8 do corrente pelas 4 horas
da tarde as cazas em que morou Manoel
o Mathias de Freitas^se hode arrematar va-
J^'rios movis, ouro, prata, e escravos do
mesmo para pagamento de seos j credores.
O escriptoe Edital se acha emmo doPor-
teiro do Juizo.
--
Cn oJbj ; i
ARRocA8.de carregar em baixo, e em
cima: no Armazem de carracas detras do
Theatro. .
{fT Urna negra, /cozinha bem, e engo
ma izo: na Cidade de Olinda ra de Ma-
thias Ferreira N. 13.. ..
fc$- Moenas completas orizontaes; ta-
xas de ferro; temos de condecas; duas pe-
dias de filtrar agoa; urn par de dragonas
d'ouroparasCapitao; e potassa da primei-
ra sorte por preco commodo: ra do Cole-
gio 1). 4- i '*
(P Urna negra Vendedeira de p*a, e
troca-se por urna negrinha, que; aprenda
a cozer;: no largo de S. Pedro novo g 8eniGiinda. ,. >h i
(^ Juma cama de. cazado de Jacaran-
da, e#imuito boin uzo, com enxargo,
colxo decarneira encarnada, e corona-
dos de,paca: fa caza ^e um a^ar defton-
* te da Matriz de Santo Antonio. u.
.
>
I


(pT m negro, 20 annos, com uzo de'
Padaria : na ra da Cruz N.c> 29;
fcf- Dbreias em caixas, chegadas lti-
mamente: na ra da Cadeia, loja de fer-
ragem numero 15.
(^ Urna crila, 32 annos; que cozj-
nha muito bem, faz massas, coze, engoma
faz rendas finas, e todas as quahdades de
doces ; tem um filho molato, alvo de 4 an-
nos: em caza do Juiz de Paz de S. Anto-
nio ra do Rozario.
3= Um cvalo novo, gordo carrega
por baixo, e esquipa bem: roa velha D. 55.
G^r Duas canoas de amarello, quase no-
vas, sem costura alguma; carregao trez
caixas de assucar cada huma, ou 60 al-
queires de cal : na ra da Cruz N. 52.
gr Rap novo, a 1800 a libra, e 20 rs,
a oitava : na Praca da Uniao loja de cam-
bio N. 20, e nella se compra, e ven-
de effectivamente moeda de prata e ouro.
6^ Urna venda na ra da Santa Cruz
com poucos fundos, 2 escravas ladinas : na
mesma D. 2. .
fcj3 Urna preta cozinlieira, vendedeira
de ra, e lavadeira de varrella : na ra
de S. Bento em Olinda N. 39.
3=* Taxas de cobre, bacas de rame,
papelao, ierro inglez, e da Suecia, e dif-
ferentes ferragens por preco commodo: as
lojas da ra do Queimado N. 30, e 74.
^ Urna negra, 25 a 30 annos, lava-
deira, e vendedeira de ra, para fora da
Provincia: beco doazeitedepeixeN. c 16.
$3* Um botequim por preco commodo
no aterro dos Agados lado esquerdo, in-
do do Recife : no mesmo D. 25.
3* Um moleque, 16 annos, com prin-
cipios de marcineiro: na ru da Sanzalla
velha, por detras de Bento Joze da Costa
em urna loja de Marcineiro.
C^f= Seis escravos ladinos: na ra Nova
D. 17. *
u,
.
Compra,

.
_ M Dicionario Latino, e Portugus, em
bom uzo : na ra da Cruz N. 36.
fct Urna panoa de carreira, que carre-
gue 12 pessoas : na ra das Cruzes D. 4,
2. ? andar. \\
0
amnaamento.
A; i
Rrenda-se um sitio grande na estra-
da do Arraial, capaa.de sustentar 10 vaca*
k
;
4-
*

3.
*4
J


TT
-ata*
(865)
todo o anno por ter muita varge, o trras
para capim, boa caza, e algum rvredo ;
[adverte se que sao 2 grandes sitios reduzi-
kdo a um : anuncie-se.
i
Eudeu-se na hoite de 3 para 4 oV> cor-
(3* Pela segunda vez partecipo pes-
soa, que perdeo um bijjite de cobre de
100$ rs. passado por Joao 8a Costa e Sil-
va, queira declarar a sua reztdencia, pata
lhe ser entregue.
3^ O abaixo assignado faz saber a to-
dos os seus Credores que no prazo de 3 di -
as lh aprezcntern as suas cntas para s-'
rente de bordo da Sumaca S. Antonio Ven- I rem indemnizados, e desse prazo m dian-
cedor urna carteira verde, de molla, aqual j te considerar-se-ha como se nada devss,
tirina rlrtiv- xrr-cj i-rvar. /
tinha dentro varios papis, e entre elles do-
\.xns meios Bilhetes, e um inteiro da Lotera
do Seminario, e um livrinhq em Latim :
jaia do Vigario, armazem de assucar N.c
,' Ij, ese recompensar generosamente.
Wff* A 14 do mez p. p. perdeu-se um
.crucifixo de ouro, tendo cahido de urna va-
jsajida abaixo as Cinco pontes, e urna Ca-
nfora (bixo) com 2 crias ; a quem fizer a
tituicao dar-se-ha 2$000 rs. pelos ni-
laes ; e pelo crucifixo urna reccompensa
equivalente : no dito lugar das Cinco pon-
tes D. 30, ladado Nascente.
furto&
F. .. -
Urtarao um moleque a 28 do mez
passado, de notne Joao, de 4'anros, vesti-
do de carniza de madapolao ; quem o des-
cobrir pode lvalo ra de S.Jbze5 D. 3.
3* No da 25 do mez p. p: furtara de
urna caza em Fora de Portas | um relojo
com caixa de prata, 3 ponteiros, sgnete
Francez, chavinba em fita azul desbotada
cbm ourela branca : ao dito lugar d Fo
ra de Portas, N. 52, e se recompencar.

3lri?o$ particulares
J'
Oaquim Rodrigues Pinheiro pede as
pessoas, que tiverem bilhetes da sua firma,
se sirvao de os aprezentar na sua Prenca no
decurso destes 8 dias, para serem pagos
immediatamente.
(^ Quem aohar papis, ou livros, per-!
tencentesalojade1 Joaquim Bernardo de
Figneredo, na Pracinha do Livramento,
roubado em a noite de 14 do corrente fara
o favor de os entregar, na sua caza, largo
do (LJarino, D.'10, e receber o achado.
3" Preciza-se de urna mulher branca,
de 30 a 40 annos, desonerada deobrigaeo
es, e que entenda de cozinhar, engomar, e
cozer, querendo prestarse ao cuidado, e
arranjo da caza de um homem sotteiro: na"
ia das Cruzes, sobrado N. 139. \\i '
v
\
r
A
protestando nao pagar em temp alguitf,
| visto nao ter credores, senao nesta Praca;'
i e taberri aviza aosseus deVedores tenhaoa
bondde de lhe pagar no termo de 30 das,
, find o qul u'zar do seu direro Contra s
omissos. '.' ''
Joae Marta Placido de Magalh'Bes:

3* Roga-se ao Snr. que foi Caixeiro;"
morador defronte do beco largo no Recife,
queira no prazo de 3 dias mandar entregar
um Refe do Batalhao 53, segunda Linha,
na Botica da ra do Rozario D. 7, e n3o"
o fazendo, passar pel incomodo, que a
Lei em tal cazo permite.
3* Quem lhe faltar urna obrigacao de
32$ rs. passada em 20 de Abril de 1830;
procure a Joze Francisco da Costa na ra
da Cruz.
3* No armazem de Joze da Mota Ca-
bral defronte de Palacio continua-se a tirar
Passaprtes, folhas corridas, e seguros com
a maior presteza possivel, e tudo por preco
cmodo.



G^ Florencio Joze Baptista pertende re-
tirdr-se desta Provincia, para o que faz o
prezente anuncio.
fc3"> O Snr. que a 16 do corrente as 5
horas da tarde tomou no Recife obacamar-
te de um estudante, por troca de urna gra-
nadeira, dizendo que morava por detras da
Matris de S. Antonio, queira anunciar a
sua morada; pois sendo procurado para se
lhe< pedir o dito bacamarte nao se pode a-
char naquella ma.
(J^f* abaixo assignado roga a qualquer
Snr. Capitao de navio, que tenha em seo
bordo trabalharido, oU para seguir viagem
a titulo de forro um pardinh de 17 arinos>
por nome Simao, {e provavel que o tenha
mudado), official de tanoeiro, sabe 1er, e
escrever, gaguejaalguma cousa, ecomum
sinal de fstula na tace esquerda prximo
ao olho, com argolinha d' ouro com 3 pe-
dras, na'0rema*B?querda, avize para se ver"
se um que desapparcceo no da 9 dopas-
/
I


V
y


1
J/
..y



Ji-J-fflM

P*t

rt~
\
">.
/
>-

(8665
sado Setembro aokbaixo assignado, que a-
leni de ficar muito agradecido, pagara o
empcrte do avi^)
Joo Nepomoceno Machado.

{Jrfj L. Labottiere dancarino do Thea-
tro tem a honra de participar ao respeitavel
Publico que elle d licoes de danca em ca-
zas particulares; quem quizer honral-o com
sua confianca procure na ra Nova D. 19,
caza de Mr. Desmarais Cabeijeireiro fran-
cez.
(jdh Joze Vallet, subdito Francez, mo-
rador na ru% da Cruz pertende retirar-se
para o seu JPaiz, e vende algumas obras de
marcenara, que tem prontas na sua lqja^
cqmmodas, secretarias, leitos, &c, offre-
cendo igualmente toda a sua ferramenta a
quem a quizer compran
G^f" Preciza-se de mn cont de rs. a ju-
ros de um e meio por cento ao mez com
hipoteca em huma propriedade ; annun-
ie.
{3" Preciza*se de um homem, que en-
tenda de plantas e para trabalhar n'um si-
tio : na Cidade de Olinda, botica de Joze
dos Santos Pinheiro.

.
t<
F
(ftscraw fugtDo0,
Elippe, Cabinda, estatura mediana,
experto, gaforina penteada, cozinheiro, f-
gido a 7 de Setembro p. p. com carniza de
rscadinho azul, e Calca e jaqueta brancas,
e foi visto a 16 entre a soldadesca levanta
da, vestido de branco e chapeo de palha :
ra Nova D. 17.
f* Luiz, mulato escuro, barbeiroecom
principios de Al&iate, tocador principal-
mente de viola, pouca barba, estatura or-
dinaria, olhos vivos: Andr, mulato es-
curo, 40 annos, magro, nariz um pouco
inchado, com borbulhas; ambos eacravos
de S. Bento de Olinda; o 1. fgido a 1
e o 2. a 3 do corrente: no mesmo Mos-
teiro ao Padre Procurador.
(f* Joao, Benin, ceg de um olho, u-
ma ferida na pema esqerda; oceupava-se
em cortar lenha, e capim pelo matto para
^ -. .i.i
I trazer para a Pra$a ; fgido 3 msges
ra do Vigario N. 7.
3- Francisco, Congo, corpo proporci-
onado, desdentado adiante; fgido a 22 de
Setembro do Engenho Capibaribe, com ca-
rniza de algodao, o outra de baeta encar-
nada, baeta da mesma cor, foi visto era
Magdalena :; ao sitio do Cangund terral
do Engenho da Torre a seu Snr. Aleixo da
Cunha.
NOTICIAS
MARTIMAS^/
\
Navios Entrados no dia 3.
>ERINHEM; 20 hoius ; S. S. Joze
Vencedor, M. Joze Rodrguez Pinheiro
caixas : a Antonio Marques da Costa So^
s
ares.


Navios sahidos to dia 2.
10 FORMOZO ; L. Calvario da S.
Cruz, M. Ignacio dos Santos: lastro. Pas-
sagejro Jone Goncalves Villar.
- GOIANNA ; L. S. Joao Baptista,
M. Joze Rodrigues Brito : lastro.
~ BARCELONA ; Polaca |Hesp. &
Antonio de Padua, M. Salvador Fabryas:
algodao, e pontas de boi.
- PHILADELPHIA ; B. Amer. J.
Ashm.an, M. D. Copeland : couros. Pas-
sageiros Prospero Le Fevre, M. Forter e 1
filha menor, S. K. Tibbks, e James Mac-
guirre.
- NEW ORLEANS ; Barca Ing. O-
rion, Cap. T. Hodgson : lastro.

Dia 3* <
r*._ PARA', por CEARA', e MARA-
NHAO ; Paq. Feliz, Com. oTenente Jo-
ao Mara Wandenholk. Passageiros Vicen-
teTegetmiur, Francisco Nunes da Rocha,
Alexandre Pereira Castel-branco; e! Anto-
nio Joaquim Picaluga para a Ilha de Fer-
nando, i
- PORTO ALEGRE ; B. E. Nova
Inveja, M. Joze Bernardo Araujo : sal.
Dia 4.
~ TRIESTE; Polaca Sordo, M. Pau-
lo Marengo : algodao, e agoardente.
'V
T-H-
PeRMAMMVCO JSTA TjPOORAFA MO Di AMO, Ra DA So LE DA DE N. 498. 183 L
*.


Full Text
xml version 1.0 encoding UTF-8
REPORT xmlns http:www.fcla.edudlsmddaitss xmlns:xsi http:www.w3.org2001XMLSchema-instance xsi:schemaLocation http:www.fcla.edudlsmddaitssdaitssReport.xsd
INGEST IEID EHUO4MFFO_492GRK INGEST_TIME 2013-03-25T12:20:53Z PACKAGE AA00011611_01402
AGREEMENT_INFO ACCOUNT UF PROJECT UFDC
FILES