Diario de Pernambuco

MISSING IMAGE

Material Information

Title:
Diario de Pernambuco
Physical Description:
Newspaper
Language:
Portuguese
Publication Date:

Subjects

Genre:
newspaper   ( marcgt )
newspaper   ( sobekcm )
Spatial Coverage:
Brazil -- Pernambuco -- Recife

Notes

Abstract:
The Diario de Pernambuco is acknowledged as the oldest newspaper in circulation in Latin America (see : Larousse cultural ; p. 263). The issues from 1825-1923 offer insights into early Brazilian commerce, social affairs, politics, family life, slavery, and such. Published in the port of Recife, the Diario contains numerous announcements of maritime movements, crop production, legal affairs, and cultural matters. The 19th century includes reporting on the rise of Brazilian nationalism as the Empire gave way to the earliest expressions of the Brazilian republic. The 1910s and 1920s are years of economic and artistic change, with surging exports of sugar and coffee pushing revenues and allowing for rapid expansions of infrastructure, popular expression, and national politics.
Funding:
Funding for the digitization of Diario de Pernambuco provided by LAMP (formerly known as the Latin American Microform Project), which is coordinated by the Center for Research Libraries (CRL), Global Resources Network.
Dates or Sequential Designation:
Began with Number 1, November 7, 1825.
Numbering Peculiarities:
Numbering irregularities exist and early issues are continuously paginated.

Record Information

Source Institution:
University of Florida
Holding Location:
UF Latin American Collections
Rights Management:
Applicable rights reserved.
Resource Identifier:
aleph - 002044160
notis - AKN2060
oclc - 45907853
System ID:
AA00011611:00880


This item is only available as the following downloads:


Full Text
f
m


N. 474.

"Amo de 1830.

DIARIO DE PERNAMBUCO.
Sobacre^-se u Tlpognfa do aesao Diario ra Dlrelta N. 97 I. andar a aeiei por 649 res fanaa folla
qu safeir todos es das atis. *

\
K,

'
\
r.
>
t
Sabbado 11 de Setembro. S. Theodora Penitente.

Premiar as 11 horas e 42 minutos da tarde.






-

SONETO.
tt






e requerer o seu direito. Ora da Procu-
Fracao consta, que a dita D. Maria fra ao
lge brilhante o Dia magestoso Cartorio do Tabelliao para dictar, e as**
Dos fastos do Brasil, no Ceo de Olnda! signa-la: e se a Procuraeao he da mesma
Baixa cheia de luz, de gloria ranada, dacta da Certida, e por esta se afirma
Celeste D.va, era carro iuminezo que a mnha conlendorPa C8lava "JJ
Apenas toe, o sollo auri-formoso, *"? UZ d Que o norne de Cabral memora anda, %t* 5*" Cm *U P0881I Ruirem rnonstros crueis, da augusta rinda; 'Cidade, ou no Cerurgiao, ou noTa-
O Despotismo enfa pressuroso !

" Brazileiros! Eusou,... (aDiva exclama)
" Eu sou a Liberdade A omnipotencia
De Jove teuho, teuho a ba chama :
9
M Vossos fados de Miin tem a influencia :
' Ja* mais sucumbiris, se vos inftSma,
Patria, Constiticao, Independencia !!!


-


s,
I. R. r. s.
CORRESPONDENCIA.
^Nr. Edictor. Chamando en ao
Juizo de Paz d'esta Freguezia a D. Ma
helliao ? O que eu nao sei, e desejo que
Vm. me drga, e' qual dos dous e* falcarlo;
porque, por um lado a dita D. Mara
constarme, que depois, que a mandei ci*
tar, apparece como doente, e pelo outro
lado consta da Procuraeao, que duas tes
temunhas designaran.na como, que a mes*
ma U. Mara fra em pessoa ao Cartorio.
Porem, Snr. Edictor, as teste ni un has fo
rao Joze Martina Sorano, e Francisco
Xavier Carneiro Lins, estesobrinho ltg*
timo, e aquelle casado com urna irm
d'este em cuja casa como fica dito, mora
dita D. Mara. E que dir' Vm. adver-
ando mais, que asobredita D. Mara, por
cartas que eu tenbo, urna del las eserita,
e assignada pelo mesmo Francisco Xavier
nao
na Jos Luis, depois d'ella ocultar-se a Carneiro Lint, confessa, que
primara ida doOfficial a caza de Joze 1er nem escrever, e agora na Procuraeao
Martina Sorianno onde mora, depois de apparece assignada de nome inleiro \.
recorrer por segunda vez, que o Official prender, Snr. Edictor, depois que me fez
a procurou, a invencao de que mora na aquella conficaO, nao pode ser ; porque
Freguezia da Varzea, e depois finalmeno .... velho nao toma andar. Note bem
tededizer a terceira vez, que na5 com- que o mesmo Xavier Carneiro Lins oi
pareca naquelle Juizo por Ihe competir testemunha na Procuraeao como que a
o da Varsea, tomn a rezolucao de afee- vira assignar : e que tal a testemunha !
tar moJtstia, e mandar urna Certida pa*. Entretanto nao tenho mais a temer do
sada era dacta de nove do corren te por que, que a exemplo d'eita se pratiquem
um Cerurgiao, verificando a sua molestia, outras falcidades, o que e'fcil porque
e com urna Procuraeao feita na mesma cesteiro, que faz um cesto, faz um cento
dacta, por um Tabelliao, mandar taobem Se Vra. me tirar da duvida em que estou'
seu Procurador perante o Juiz da Paz muito rae obrigara', alera da obriiracaS
d'esta Freguezia, para ah repreientalla, ero que fico de enserir eeta, como hef
1
u
I




o
(SI18)
pesso, em o primeiro numero seguinte
do sen Diario.
Seu muito Venerador
Francisco Duartc Coclho.
Theatro de tarde.

Pede se ao Snr. Marcos Antonio de
Arauio de passar em caza de Em! Ricou
& Beilleau, ra da Cruz N. 60, que
tem a lhe entregar huma carta vinda do
Rio de Janeiro.
Preciza-se de hum fetor para hum
sitio pequeo que entenda de ortalice e
_____ que trabalhe de enchada ; na ra do Ro-
DOmimgo \% de Septembro havera' m^g^J^ dehBmfeitor, orteU
grande reprezentacao completa de Quem pwciza oe u ,
humag excelente comedia intitulada o la5, ou caixeiro P^gffff^^
Bemfeitorgenerozo, sendo osseuse^e. for P*^ aviza
vah.s prehenchidos con as segmntes Fe- Augusto, 8l""
cu O Rival de si mesmo 2 A Caxuxa ao respe.tavel X\?temS
do Porto m O Cassador e os Pombinhos grande hospedar. de Franc, V* tem
A Gaivota a Esoofira a Escada quantidade de camannhas, e q"8.
Vonte-Xfo da Barca de Vapor h, L, se acha5 ^^Ou^SS
n Snlln Inirlez m o Lundum de Amanroa' gosto de Panz, tem meios ae agazamar
8triporStagema alem de L pessoas de maio,^f^^V
outras Pecas de Muzica que devidiraS es rom hnralo em mbr 9a '!J
te b.lissimo divertimentoem onz. partes o mesmo nao se poupara em
Le esperamos deixem assa. saptirfeitos m.lhor com.da e arr.mo, o servio tau
AVZOS Particulares. ali como no antigo estabelecimento almo.
roente de fora que no dia ii de Agosto do tomar banho e faz.se banquetes para fes-
corrent. an^foi ahuma caza pedir a ^ ^Xxta^ign'ado pede,Snr. Jo-
rSi ?&??& 'iSW aquim InCoVria qu^m tres dia. ..
tto Xa ofavor dPehir sapti.fazer a puente locumentos legaes que,jmm
f

i
1
digna roga ao Snr., que mndou em dita
Tip. impremir trezentos Mappas de Ca-
vallara, que por obzequio os va' buscar,
pois que a mais de 20 dias se aehaS im-
prestos. '! ^
Perciza.se de hum Capellao para di* ,~ p. .:
yer missa na Capella da Congfegacao do tista dos Guimaraes Peixoto.
Colegio: o que estiver nestas circunstan- VpiImp..
cas dirija-se ao Administrador da mesma
Capella, na ra da Cadeia do Recife, na
loja da caza N. 17.
Preciza se de hum caixeiro para Hu-
ma Padaria queja tenha pratica e saiba,
quem estiver nestas circunstancias dirija-
te a ra da Sanzalla velha N. 38,


Compra-sc.
HUma abra (bixo) que tenha bastan-
te leite, e tenha parido a pouco tem-
po ; na botica da ra Nova, de Joao Bap
lares Peixoto,
Vende-se.
HMAescrava croula, idade 40 annot^
cozinha sofrivelmente o diario de
huma caza, lava, e propria para vender
na ra; na ra Direita D. 35.
Alguns movis de caza ; no pateo do
Carmo na caza N. 9S%
L



7




Iluma escrava crioula, sem moles-
tia nein vicio algum, cozinha o diario de
huma caza, e vende na ra : na ra da
Madre Dos no sobrado que fica defronte
do beco do Encantamento.
Antonio Gomes Villar prevendo o
mal que llie podem fazer certas noticias
espalhada8 n'esta Provincia ecircunvezi*
nhas, por pessoas, vi vendo em continua-
do ocio e despidas de toda especie de vir~
tude, em prejuizo de seu crdito e nego-
cios, faz saber ao muito respeitavel Pu*
blico, que em seus Armazens se encontra
hum formidavel surtimtnto de fazendas
iuglezas e outro nao menor de ditas fram
cezas, comoabaizo se mostrara' e conti-
nua a vender coin prazo de hum anno
para o sertao e a Snr. de Engenho, por-
quesejulga com fundos proprios emais'
de que necessario para poder nao so' con-
servar o grande numero de fregueses que
ja tem porem anda outros que de novo se
aprtzeniarein.
Pents de tartaruga nova moda
Chapeos de sol para Senhora dita
Ditos para homem
Escomilhas de todas as cores
Setins ditos
Setim de Maca o
Flores Artifciaes
Ditas de pennas muito lindas
Indispencaveis de ultima moda
Pescocinhos ou gargantilhas dita
Vestidos ricos de crep dita
Ditos bordados de prata e ouro
Ditos de setim bordados
Ditos de cambraia de linho
Damascos de varias eores
Sedas de gro de Naples
Sarjas lizas superior qualidadc
Ditas lavradas
Meias de seda superior qualidade
Ditas curtas
Ditas de algodao finas
Ditas bordadas para Sen lio ras
Veos de filio' de linho
Luvas de varias qualidades
Fitas de todos os nmeros setinadas
Ditas para guarnic,es
Ditas para santos
Para cavallos.
Selins de bco superior qualidade
Ditos sem bico muito razinhos
Pertences para os mesmos.
Hum Oratorio grande em bom uzo,
com as Imagen* de Chiisto, S. Antonio,
S. Francisco, S. Benedito, S. Joze, N.
,







S. do Livramento, e do Epirito Santo
em sua Custodia ; na venda que foi de
Manoel Coco.
No Esciiptorio de L. A. Dubourcq,
ra do Trapixe, alem dos livros ja* anun-
ciados no Diario N. 458, achao-se ira-
is os seguintes por precos cmodos, c boa
eneadernacao e com estampas
Historia de Gil Braz de Santilhana por
Lesa ge
Dita do Engenhoso Fidalgo D. Quixote
de Laman che
Dita de Guilherme Tell, ou a Suissa li
bertada por Florian
Paula & Verginia, por Bernardin de SL
Pierre
A tata ou os amores dos Selvgens no de"
zerto
O Telho de minha ifiulher (novellaj
Vida de D. Joao de Castro
Gramticas Francezas em quatro partes,
por Hamonire
Guia da Conversado em Francs e Por-
tugus
Colleccao de peda eos em proza
Alfabeto Portuguez
Ordein da Missa
Cours de Litberatuie de Laharpe (em
Francez)
Prezuntos secos, de superior quali-
dade a 120 rs. a libra; na ra da Cadeia
Velha armazem N. 11.
Hum iardamento completo de Arti-
Iberia por pre90 cmodo ; na ra do Vi-
gario N. 28.
Hum fardamento, completo para um
Soldado do Batalhao 53 de Caladores da
segunda Linha; na ra da Sanzalla Ve-
lha, na venda da esquina do beco que
folla para o porto das Canoas N. 52.
Quatro moradas de cazas terreas, na
ra do Cota vello ; na ra do Livramento
botica D. II.
Hum corte de vestido de setim bran
co de mcau, bordado de prata, de muito
bomgosto; na ra Nova, no I. andar
do sobrado D. 33.
Huma cama de condur com corxao,
inxergao, trabiceiros de linho, e cortina*
do de casta, tudo eom pouco uzo, e tao*
bem todo o preparo que he percizo para
huma casa : na ra das Flores caza D.
15.
Huma taxa de cobre com o pezo de
9 arrobas, que esta' em bom estado ou
quaze nova; na ra do Rozaro botica
D. 11.
*


>
Huma preta de nacao Angola, engo-
ma lizo, cozinha o diario de huma casa,
he lavadeira, e sabe fazer confeitose al-
guns doces ; na na da Sanzalla Nova,
N. 26.
Hum negro moco, bom cuzinheiro,
alfaiate, sem vieio ; na ra da Cruz no
3. andar do sobrado N. 7.
Hum preto moco, bom oficial desa*
pateiro ; na Praqa da Uniao loja N.
Huma serava preta moca, lavadeira
e cosinba sofrivelmente; em Olinda, na
ra de S. Joao, na ultima casa do lado
esquerdo. /
Barretinas de fundo de sola de hum
modelio nunca visto, e taobem hbitos de
Christo muito bonitos, tudo chegado uU
timamentede Lisboa; na ra do Queima
doD, I.
Leilao.
QUe fazem Eml. Ricou & Boilleau,
Terca feira 14 do corren te, em a
sua caza na ra da Cruz N. 60, de va-
rias fazendas limpas e avadadas.
Arrematarlo.
FIndos os das da Le, no aterro da
Boa Vista perante o Snr. Dezembar*
gador Maciel Monteiro se hade arrematar
de renda annual os sitios Porto da Madei-
ra, avaliado em 33$500 : outro denomi-
nadoCacunda eManimb em 11!#500,
e outro oampo grande em 16$00, sita*
dos em Bebiribe, e forao do finado Anto-
nio Joze Sonto, para pagamento doaU
canse em que icou para com os Adminis-
tradores da liquidacao dos fundos da ex*
tincta Companhia. O escripto se acha
em ma do Porteiro do Juizo.

Arrenda-se.


Viagens.
-


PAra o Rio de Janeiro, i m preter ve 1-
mente no dia 15 do corren te o Br
gue Anbal, Capitao Antonio Fernandes
Coelho ; quem nelle quizer hir de passa*
gem, fale com o Capitao, ou com o Con
signatario Joze Antonio de Oliveira.
Para Unna, e Porto de Pedras, al
1A do corrente, a Sumaca S. Joao Deli-
gente, quem nella quizer carregar ou hir
de passagem, dirjanse abordo a falar com
o Mestre Joze Antonio de Sa\ ou procu-
re a Miguel Ferreira de Mello, na ra do
Vigario.
Alluga-se.
HUm sagundo, ou terceiro andar das
cazas novas ao p da ponte da Boa
Vista na ra Nova, que lem todos os co-
modos para huma grande familia, quem
pertender procure no largo da Boa Vista
caza 1). 5.
Ou compra.se hum preto, cosinheiro
para casa de homem solteiro, quem o ti
ver e quizer vender, ou alugar, anuncie
a sua moradia por e*te Diario.
APropriedade dos sitios da Brasida,
no Rio Doce, com coqueiros, e ou-
tras arvores fructferas, e trras para plan*
tacoes; quem a pertender pode ir tractar
as condicoes do arrendamento com Joze
Narcizo Camelo, no pateo do Carmo.
O sitio de Amaro de Barros Correia,
no lugar de S. Anna, tem duas baixas
grandes para capim, boa caza de viven-
cia, e muito arvoredo de espinho ; quem o
pertender di rija-se a ra da Cadeia do
Recife, loja N> 17,
Perdeu-se.
NA noite de 8 do corrente no aterro da
Boa Vista, urna cruz de diamantes
rozas; quem a achar podera* entrgala
ao Edictor des te Diario, que l he dar* o
premio.




Escravos Futidos.
JOao, nacao Cassange, baixo, seco,
barba fechada, sobrancelhas grocas,
quando falla parece ter hum apego ua
lingoa, pernas e braco* finos, quando an-
da parece manco, o cabello da cabeca
bastante crescido; sahio com carniza de
algodao de punho, siloura do mesmo ;
ha noticia que todas as mauhaas bem ce-
do se tem encontrado na Passagem, sa-
hindo para a estrada do-Mondego; os ap-
prehendedores levem a ra das Cruzes
N. 7, no primairo andar, que serao
bem recompensados.
t


Pernambuco na Typoqrafia do Diario.
-*
L
*>


Full Text
xml version 1.0 encoding UTF-8
REPORT xmlns http:www.fcla.edudlsmddaitss xmlns:xsi http:www.w3.org2001XMLSchema-instance xsi:schemaLocation http:www.fcla.edudlsmddaitssdaitssReport.xsd
INGEST IEID E2YFHG2W3_KE3YO4 INGEST_TIME 2013-03-25T12:54:11Z PACKAGE AA00011611_00880
AGREEMENT_INFO ACCOUNT UF PROJECT UFDC
FILES