Diario de Pernambuco

MISSING IMAGE

Material Information

Title:
Diario de Pernambuco
Physical Description:
Newspaper
Language:
Portuguese
Publication Date:

Subjects

Genre:
newspaper   ( marcgt )
newspaper   ( sobekcm )
Spatial Coverage:
Brazil -- Pernambuco -- Recife

Notes

Abstract:
The Diario de Pernambuco is acknowledged as the oldest newspaper in circulation in Latin America (see : Larousse cultural ; p. 263). The issues from 1825-1923 offer insights into early Brazilian commerce, social affairs, politics, family life, slavery, and such. Published in the port of Recife, the Diario contains numerous announcements of maritime movements, crop production, legal affairs, and cultural matters. The 19th century includes reporting on the rise of Brazilian nationalism as the Empire gave way to the earliest expressions of the Brazilian republic. The 1910s and 1920s are years of economic and artistic change, with surging exports of sugar and coffee pushing revenues and allowing for rapid expansions of infrastructure, popular expression, and national politics.
Funding:
Funding for the digitization of Diario de Pernambuco provided by LAMP (formerly known as the Latin American Microform Project), which is coordinated by the Center for Research Libraries (CRL), Global Resources Network.
Dates or Sequential Designation:
Began with Number 1, November 7, 1825.
Numbering Peculiarities:
Numbering irregularities exist and early issues are continuously paginated.

Record Information

Source Institution:
University of Florida
Holding Location:
UF Latin American Collections
Rights Management:
Applicable rights reserved.
Resource Identifier:
aleph - 002044160
notis - AKN2060
oclc - 45907853
System ID:
AA00011611:00278


This item is only available as the following downloads:


Full Text

......I
.


I
1
N. 71.




Anno de 1839.


PERNAMBUCO.
Satycrete-ie na Tipegrafia do memo Diario ra Direita ff. 67 1. andar em mezes por C40 res huma folha
en* sahij todo os din atis. i .
......
=

Qarta Feira 1. de AtRix* & Macario.


'

.
Z*e Citoycn genereux, en srvant la patrie n$ peutavoir
i dessetn de se remire haissablc, oumeprisablea se yeux
VORALE NIVBRSELLB
Freatnar as$k&fas e !8 mimo* tf tercfe.
,



<< ^

... 1.
ARTIGO E>' OFICIO.
.
Igve Camon d Pin e Almeida do
Cousellio de S. M. I., Ministro Secretario
d'Estado dos Negocios da Fazenda, Presi-
dente do Thesouro Nacional &c. Fa9o sa-
ber a J unta da Fazenda da Provine de Per-
nambuco: Que sendo prsenle a S. M. oIm-
PL-itado, em Consulta o Conselho da Fa-
zenda, a que Mandou proceder, o Officio
da mesma Junta numero trinta, datado em
Novembro do auno prximo passado, enl
que, atn d'oulros objectos, d conta das
despesas, em que o exarrematautcs do
contracto millo dos meios direitos da Alfan-
dega d'essa Provincia, Gervasio Pires Fer-
reira e Compaahia, pertendhi Ihe eej8
abonadas; e coiiformaiidb*M inteira ment
rom o parecer do Conselho a tal respeito :
Houve por bem por Sua L'audediata e Im-
perial Kesoluca de vintee-' Irez do corren
te mez Determinar, q>ie no- Sea Imperial
Kome se eslanhas^e a essa Junta a froxi-
da, e illegalidade, cora que se houve acer-
ca d'cste assumpto; ua5 si por submete-lo
de invotta cent o da Approvaca- do contra-
cto ultimo, feito com Antonio Marques da
Costa Soa res, e socios, sendo objecto di-
verso, edemui diverso expediente; como
pela maneira, com que o fez, viudo, como
veio, o seu Ollicio desaccotnpanhado das
informaces, a que se devia ter procedido,
e sem hufi se Officio do Procurador da Fa-
zenda nos requerimentos des referidos ex-
cont ractadores ; ordenando outro sim qu
a Junta inmediatamente foca debitar aes
inesmos e< contractadores Gervatio Pires
Ferreira, e Companhta, pelas quantias li-
quida por elle receidas a boca do cofre
da Alfandega, em dinheiro, ou em bilnetes,
durante o tempo da correnteza do contracto
eti neto, e pos virtud e d'eile, precedendo
para isso a competente Informacafl do Juiz
da Alfandega ; e pelas quantias assim de-


hitadas s proceda a seqnetro rfos bens* dos
ditos eX-contractadores, nos termos da Lei
de viutee dous do Dezembro de mil sete*
Ceios sessenta e hum, encontrando-se-
Ihes na exectica aquellas quantias smen-
te, que por itifrmacao do Juiz da Alfande-
ga, e com audiencia do Procurador da Fa-
zenda se reputare! d'utiridade' condecida
para a admirrisfracao do contracto, com
que el les con era o : excluidas em todo o ca-
so : piineiro a da propina de hum cont e
seiseentos mil ris, que se diz paga ao Es-
crivafr Deputado da Junta Angelo Joz
Saldanha, por ser nao so pela Lei de vinte
e cinco de Outubro de mil oitocentos e Tin-
te 9ete, mas tambem pela segunda eondi-
c do mesmo extincto contracto, defeso o
pagamento de qualquer propina pela sua
arrematacao ; e segundo as dos salanos,
que os referidos ex-coutractados abonaran*
a si mesmo, por nao seren abonaveis de
sua natureza. Oque a Junta assim cum>
prir, dando de tudo conta, antes do seu
despacho diuitivo, a fim de receber pelo
Thezouio a approvacaft das mesmas des-
pezas, como parecer justo. Joa Rodri-
gues da Si Ka, a fez no Rio de Janeiro em
trinta e hum de Janeiro de mil oitocentos e
tinte nove. Joatf Carlos Corda Leroos a
fez eSerever. Miguel Calmon du Pin
Almeida.
i -
T,
LLtst. e Excl. Sr. Quando en me
lisongeava de poder sempre informar a Sua
Magestade O Imperador do estado de quie-
tacad1, e prosperidnde, que se hia consoli-
dando nesta Provincia, sem que houvesse o
mnimo assommo de descontentamanto n-
treos Pbvos della, eis que de hnprovizo
me veio a noticia de se ter levantado, e sa-
bido da Povoacai) do Afogado, meia legoa
distante desta Praca, huma quadnlha de
viutee tantos individuos armados, osquaes
montados emcavallos, que poerao furiar,
**




- f


:
T,
DECRETO.
i
(282)
-
se lancarao pela estrada da Villa de Santo Persuadido de que convinhaquanto an-
Anlao na noile do primeiro de Fevereiro tes appresentar a Sua Magestade o lu pe-
corrente, aonde, teudo ctiegado ja etn na- rador o qnadro fiel destes accontecimentos,
mero de setenta e tantos, depois de solta- a fim de que I he nao chegasse a noticia del-
rem os prezos da Cada, e se apoderaren* les desfigurada por alguin canal impuro,
das armas do Quai tel, procuraras instalar tomei sobre mim a responsabilidad^, por.
bum Governo revolucionario contra o So- falta de outra embarcaca5 de guerra nete
berano Poder de Sua Magestade o Impera- Porto, de fazer rfcgressar para a Babia o
dor ; mas como se ua juntasse a Cmara, Brige Escuna Patagonia, que aqu viera
que elles para isso convocarao, eoCapi- em commissa, requintando ao Presidente
ta Mor da Villa comecasse a reunir gente daquella Provincia o mandasse immediata-
para Ibes fazer oppozica, e ao mesmo mente seguir para essa Corte com os dea-
tempo se temessem da Tropa, que daqui pachos, que nelle vao remettides. He o
fiz immediatamente marchar em seu alean- que por agora tenho de participar a V. Ex.
ce em numero de 280 pracas, alm das Or- para levar ao conhecimento de Sua Mages
denancas, que tenho mandado cooperar na tade Imperial sobre este particular objec-
diligencia de os perseguir, e apprehender, to ; e continuare! a noticiar o mais, que
se dirigira rota batida para a Comarca do for occorrendo at o seu ('mal desentrexo.
Serta, tendo j chegado ao Brejo da Ma- Dos Guarde a V. Ex. muitos annos.
dre de Dos com oito legoas de vantagem Cidade do Recite de Pernambueo 12 de Fe-
sobre as nossa avancadas, por cuja razao vereiro de 1829. Illustrissimo e Excel-
hedesuppor, que a esta hora j tenha si- lentissimo Sr. Joze Clemente Pereira.
do por ellas batidos ; pois que tenho dado Thomz Xavier-Garda fie Mmdda.
ordem para que va em seu seguimeuto, a-
inda mesmo que se passem a algumaa Pro-
vincias vizinhas, a cujo respeito esta pre-
venidos os respectivos Prizjdentes, como J_ Endo Mandado, por Decreto desta da-
V. Ex. ver dos incluzos impressos, nos ta, suspender em Pernambueo as formali-
quaes mandei publicar algumas das pro- dades, que garantem a liberdade individual^
videncias, relativas a este accontecimento, para obstara rebeliao, que se acha* desgra*
e bem assim as participares, que sobre el- cadamente ateada naquella Provincia : He]
le me fora feitas pelas diversas authorida- por bem, Tendo ouvido o Meu Conselho1
des ocaes: sendo este o lugar proprio de de Estado, Crear huma Commissao" Militar,
significar a V. Ex., que tenho encontrado em a qual [sera verbal, e summariamente
da parte do Governador de Armas a mais processados os caberas, e os que forem a-
dicidida cooperaca, e disvelo na execuca pandados com armas na ma6 ; composta do
das medidas adoptadas, como necesarias Brigadelro Governador das Armas, Antero
para o triumpho da Cauza Nacional. Joze Ferreira de Brito, como Presidente,
Com qnanto porm seja para sentir, que e na sua falta do Ofncial de Maior Patente
se, produzisse esta triste scena com tanta of- na primeira Liaba; de 3 Vogaes que elle
fensa da Augusta Pessoa de Sua Magestade nomear, e de hum Relator, que ser o Ou-
Imperial e incoirmodo dos Povos, por onde vidor do Crime. As Anthoridad.es, a quein
ya transitando os insurgentes, nao se alte- o couhecimento deste pertencer o tenhao
rou com ludo na menor parte a tranquilida- assim entendido, c o facao executar, Paco
de da Capital, e das outras partes da Pro- em vinte e sete de Fevereiro de mil oito-
vincia; pois que a excepca de huma gran- ceutos e vinte nove, oitavo da Independen-
de quantidadede pasqu i ns coinciden temen- cia e do Imperio.
te apparecidos na Pra9a com expresses sa- Com a Rubrica de Sua Magestade IM-
crilegas, dirigidas contra o Imperante da FERIAL.
Nacao, e contra a forma do Governo esta- Joaquim de Oliyei/a Airares,
belecido, o que pode ser obra de agum fa- m u**t'-m.
cioso ta5 iguobil, como os outros da pandi- "V"
Iha ; nenhum outro symptoma se tein roa- ^f Ao se fazendo dignos da Minha Impe-
nifestado de ha ver plano combinado para rial Clemencia Reos, que forem convenci-
hum ta temerario ronipimento ; e antes dos do horrendo crime de rebellia contra o
se tein notado no espirito publico huma systema do Governo Monarchico Constitu-
bem pronunciada indignaca contra os sena conal estabelecido, e jurado neate Imperio;
infames anthores, cojos nofcnes dos princi- Heiporbem, Tendp ouvido o Meu Conse-
paes delles ver V. Ex. na re la cao inclusa : lho de Estado, que as Sentencas proferidas
pudendo considerar-se este esforco de de- na Commissa Militar, que Mandei Crear,
sesperaea como o nico arranco da ultima por Decreto datado de he je, para a Provin-
cabecea da hydra revolucionaria de Pernanv ca de Peruambuco, seja inmediatamente
buco. executadas, sem que primeiramentc tubao

i
-


^,if
^^n-rrr
**




<

(283)
'
Minha Imperial Presenta, .nao obstante o
Artigo primetro da Le de onze de Septem-
bro de mil oitocentos e yintc seis. As Au-
thoripades, a quem o conhecimento deste
pertencer, o tenhe assim entendido e o fa-
ca executa.r. Paco em vintsete de Feve-
jeiro de mil oitocentas e vinte nove, oitavo
da Independencia e do Imperio.
Com a Rubrica de Sua Magestade o IM-
PERADOR.
Joaquim de Oliveira Alvares.
mim assignados : Bairro de S. Antonio 1
de Abril de 1829.
Feliz Joze Tavares Lira.
Juiz de Paz.
.:, fli
*

___L

A\izos Particulares.

,


i
HMM
I
^


J^| O Armazem d assucar da roa do
Vgario}N. 29, acha-se buma carta para o
Sr^ Joze Alves de Almeida, que foi tirada
do Oorreio por ter o mesmo nome, e como
L- e Ex.- Sr. Levei a Augusta Pre- pela asignatura de quem escreveu se conhe-
Tnca de Sua Magestade o Imperador o Of- ce na6 ser de quem a tiro,., a pessoa que
ficio de V Ex. em que d parte de ter ap- tiver o mesmo nome, dmja-se ao dito, que
parecido nessa Provincia huma rebellia de se lhe entregara.
S que tem por fim mudar a forma do 2 Theoton.o Joze Tavares parte cipa
GovernoMonarchico Constitucional esta- ao Publico que nmguem^V
belecide e jurado ueste Imperio j e sendo de traste alguna a Ricardo Fereir de Vas-
r^ecear qeista rebellia, .peier danei.hu- .Concellos menos o sen bilhar, que esse o
Sa?mpqortancia das pes oa uella involvi- dito Ricardo o pode vender hvremente. .
ma ...T.-
das, tome algum .corno que mcommoiie a
trnquilidade dos kabitantts pacficos e fiis
da roesma Provincia, a fim de occorrercom
remedio fficajL ao perigo immiuente, qne
bossa ameacar a seguranca do Estado : Ha
q Mesmo Sr. por bem Mandar remetter a
3 Freciza-se fallar com o Sr. Joze Fe-
reira de Oliveira, e como se ignora a sua
moradia, rogarse queira anunciar por est^
Diario, pois ha negocio atratar com o ditq.
4 Guilherme Joaquim da Silva, fas sci-
eote ao Publico que nao he mais tai-
V f!x acopia inclusa do Decreto da data ieiro de Joze Fernaudea Eiras, e por isso
deseque suspende as formalidades, que 6 tem mais ordem de vender nem receber
gaiantem a liberdade individual, para que para o dito Sr ,
V. Ex. o faca executar nessa Provincia. Vende-Se.
Sua Magestade o Imperador, Ordenan- c Ani _
do o emnrego desta medida extraordinaria, 5 Na loja junto a o arco de S- Antonio
(jooempgo (affora ornada de novo) tranca de. toda
WroV l3tJS^JS^ fe* para bordarfardasdeCe^res ;
SI t^^'^^e^^ nacho verdes, .Martinetes verdes enea.
^^mptaelne?ictavelPuniSa6doS re- ^^^^^^^Z^
^DeosGuardeaV Ex, M** ?^^
:Wff.em^ NamesmaoUUmbem tem para vender
Lncio Soares Teixeira eGouxea. Sr. JL^ Jgenflros: Caffde .upeor
qualidade a 2400, Barricas de sardinha
multo boa o milhero a 1600, Sacas de Fei-
jao vindpde prximo do Porto: Barricas da
Yinbo brancode 12 Caadas a 10*000.
6 Taboas de louro para assoelho, com
Thomaz Xavier Garca de Almeida.
*???
... .

r Ac saber a todos os moradores do Pe
tcodoCarmo, Ra do Rozario e Colegio,
que do dia 2, e 3, de Abril facao varrer as
ditas ras pondo-as em estado de limpeza e
asseio para poder passar a Procuro de Pas-
aos e para <\ue se na5 chamen) a engao,
quando lhe for imposta a competente mul-
ta mandei afixar Editaes ta5 somente por
narpo.de Santa Cruz D. 1.8.
8 Huma negra de neceo Ce^ange com 5
annos de trra : as apoutas Rlr
9 Hm citio nos AfTogados com boa^.ca-
ze devivenda, todo murado chaos proprioe
com seus arvoredos, e hurn grande Prrei-
rel: na ra do Livremento sobrado D, ,
2. andar.
.

<*-.*
nr?



MMMM
i
-
/
.
k


Y
'
'


s

Compra-S.
f0
16 itt^ctfrtft^ Wirfenbtf; rtta*#> e gor-
lo, bon passeiro, ecarregador: na ra
doCotlegib, BotlCtfde'SiWiannb Lu* da / ^OsLivros' das instituyes OraoYias
paZt We Jfetohimn Sbates para o estudo de Rhe-
II Na ra d'Alfandega Velha N. 5, torica: qnem trver anuncie pbreste Diaria
existe hum modeflo para aguilhes de En- 2* Dus-ortaos de carga^ que stejaS
genho de varar, que a sua duracao he ter- aparte de ttafralhar: na roa de S. Gonzalo
na, por codegirite, quatqer rSr. que no pennltimo sobradb ao p da l^reja, ott
queira, o podera hir ver, assim como agr- arrancie potente Diario,
dando-lhe, se lhe podem mandar fr os que 25 Hum o dous bois de carro: anuncre
prfndrf iiittt igttafrrien'lfe 2&) ntaq- $<* este' >rario, para ser procurado,
goles' de tabaco, proprios para MiiW, que Senegoc'eni poY pe> o>odo. dos Quarteis, primeira Padaria.
Alluga-se.
V Huma casa terrea no Bairr de S. An-
tonio do Recifa bni sutteiefites cmodos

\% Feixes de capim de planta, a 160 rs.:
na ra dos i^aarteis, primeira P&rfl.
13 AgoaP-ardertte branca de Superior
qualidade, em baris ou pipa*, "ou mesmo
em caadas, nao pagando majsotroS qaes- pata (amifia, e que o seo triroguer ua ex-
q)u*r direito de scidrO, ou consumo : nos eda a,40O rert: anuncie poraste Diario
Arrrnbados D. 9. sua rioradfa.
4 Hikfr rtoieqoe de n*$ao Loanda, ebrh EsCtfaVS FllgidoS.
principios de coaiuheiro : na ra Direita
N. *. 28 Huma negra crioula, de boa estatura,
19 Farfolla1 Sti Hamburgo, pnf preco c6- ^orda, com hum filho de idade de de 3 a 4
modo : ta ra da Satmlte Velha N. 27. fonos, fgida do crtio do Mondego.
16 Papel almajo aparado, resma 3,000 29 Pelos Dias-Santos da Festa, desapa-
is, quaderno 40 res, dito meia holanda, *eeeo hum negro do gento de Angolla,
resma 3;60O ris, quaderno 50 res, dito ota os signaes seguintes i estatura regular,
dito croinha, resma 4,200 res, quaderno aa pernasalgumacoisa cambadas para fora,
60 ris, X Isson, de superior aualidad, heio do corpo, falla rSca, he marinhero de
tibra 1,1180 r,, dito perola multo bou, li- pofiissaS, por nme Madoel: os aprehen-
bra 1120, vinbo do Porto de superior tju- kendcdoreS o podera pear e leval-0 a rua
lidade, caada 1280, garrafa 160, dito do Queimado D. 16, que ser bem recom-
TRK, caada 960, garjaal20: No Arma- pensado.
tcm de tres portas D. 2. 30 No da 16 de Janeiro desapareced do<>
17 Huma casa de pasto, na rus dos Quar- estraves cwn os signaes seguintcs : Mi-
mis na esquina, propria para o negoci i guel, de nac,aO CassanjCi estura alto, sec
na rua do Vigario Armazem de assugarN. a do cordo, bero preto, pouca barba, cabeca
fc9. pequea, orelhas do mesmo modo, cara al-
18 Hurt fardarrietto do Batalhao 55 on Ruma cousa comprida, quebrado de huma
54 : na rua do Queimado Afmazem D. 2. vinlha, cauellas finas, \>(s compridos e nao
19 Huma cscrava, naca6 Songa, bonita nal leitos, bem ladino, dentes abertos de
figura, sm vicios, de idade 15 a 16 annop, ferro, representa ter de idade 25 anuos.:
l)ern ladina: na Solidade, venda de Miguel Joa, de estatura medianna, cor fula, chei-
Tavares da Silva. o do cojpO, cabera grande e redonda, quei-
20 Huma negra, ladina, propria a venda xadas largas, naris xato, pescoco curto,
de rua : na fu do Rozarlo defronte da P ra- principiando a barbar, tein em huma face
3* da Uniad D. 4; mma marca de ferida, em huma das canel-
81 Hum escravo ladino, de todo servido, las hnma ferida grande, ps pequeos, de
principalmente t Agricultura: na Praca idade 20 anuos: no dia 7 de Mar^o de sapa-
da UniaB loja N. 33. recen huma negra por nome Jozefa, com
22 Queijos londrinos, servejamuito boa, os signaes seguintes : estatura medianna,
tintas perft portas em barris pequeos, oleo seca do corpo, olhos esmorecidos, peitos
ern bottjas, gigos d garrafas, Vasqueiras escorridos, tera de idade 40 annos, pouco
de geneJbra, a^oa-arderrte de Franj, mes- mais ou menos: os aprehendedores os po-
tarda, bom vinbo engarrafado do Porto, derao pegar leval-os as Salinas de Be-
tonsertas, champaina, tudo moito superi- lm, a Gregorio A Ivs Maciel, que ser ge-
or: no Forte do Mato, roa da moeda, per nerozatnente recompensado do seu traba-
baixo da Hospedara lugleza. lho.
I i MI

4
*-
Pernambwo na TipoyrufiatlQ Diario.
i i mu mi
-*v,
**"*


Full Text
xml version 1.0 encoding UTF-8
REPORT xmlns http:www.fcla.edudlsmddaitss xmlns:xsi http:www.w3.org2001XMLSchema-instance xsi:schemaLocation http:www.fcla.edudlsmddaitssdaitssReport.xsd
INGEST IEID EBYWZNKSR_1O4C0U INGEST_TIME 2013-03-25T15:05:50Z PACKAGE AA00011611_00278
AGREEMENT_INFO ACCOUNT UF PROJECT UFDC
FILES